7 C
Vila Viçosa
Terça-feira, Abril 23, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Calipolense Tiago Salgueiro lança nova edição do livro “Do Japão para o Alentejo”

A vinda de nobres japoneses a Vila Viçosa no século XVI tem sido um assunto que tem merecido a atenção do Calipolense e Historiador Tiago Salgueiro.

Desde 2012 que a investigação decorre e, numa primeira fase, com o apoio do Município de Vila Viçosa e da Fundação da Casa de Bragança, o projeto converteu-se num livro, que teve duas edições esgotadas.

O livro percorreu Portugal de norte a sul e esta parte da história de Vila Viçosa foi dada a conhecer a miúdos e graúdos através de apresentações em escolas, museus, câmaras municipais, universidades e bibliotecas ao longo destes anos.

O tema em despoletou também interesse no Japão, tendo sido a primeira edição do livro traduzida para japonês, em Nagasaqui, obra que também vai já também na 2ª edição.

Já no ano de 2021, a Fundação da Casa de bragança lançou também uma versão ilustrada para crianças sobre esta história.

Agora, já a terminar 2023 o Calipolense Tiago Salgueiro dá conta que tendo surgido novidades sobre a temática, com o apoio da Direção Regional de Cultura do Alentejo e da Fundação da Casa de Bragança, a Editora COLIBRI avançou com uma nova edição.

Esta nova edição tem também um inovador formato gráfico e novas imagens, a cores, com o foco em Évora e Vila Viçosa.

O prefácio desta nova edição é da autoria do Prof. Doutor Vítor Serrão.

A apresentação pública da obra ainda não tem data marcada mas o autor promete que será para breve.

Recorde-se que dita a história que convertidos ao Cristianismo, os nobres japoneses faziam parte de uma delegação que se dirigia a Roma, para prestar homenagem ao Papa, e que visitou os mais importantes centros de decisão na Europa deste período, entre os anos de 1582 e 1586.

Nesse sentido, explica a primeira obra editada por Tiago Salgueiro, a visita a Vila Viçosa assumiu contornos bastante importantes, na medida em que, segundo algumas possíveis interpretações, não se tratou somente de uma visita de cortesia. Como a investigação veio a demonstrar, tornaram-se mais claros os objectivos decorrentes da visita à corte de D.Teodósio II por parte dos embaixadores japonese, mas também em relação aos interesses políticos do Ducado de Bragança, no que concerne a este facto.

Populares