29.8 C
Vila Viçosa
Sexta-feira, Junho 14, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Câmara de Évora cedeu terreno para criação do “Espaço Multi-recreativo do Largo da Nora” !

A Câmara Municipal de Évora assinou, no dia 7 de fevereiro de 2022, com a Associação para o Desenvolvimento Cultural e Desportivo da Malagueira, um protocolo de cedência temporária de terreno municipal no Largo da Nora (Freguesia da Malagueira) para criação de um “Espaço Multirecreativo”.

A cerimónia contou com a participação do Presidente da Câmara Municipal de Évora, Carlos Pinto de Sá. O protocolo tem por base a cedência, pelo período de um ano, de um terreno municipal com 1885m2, atualmente sem utilização pública.

A futura intervenção no espaço inclui a construção de muros, acesso pedonal, pontos de estadia, anfiteatro de pequena dimensão vocacionado para atividades infantis, espaço para relocalização dos equipamentos de ginástica sénior e um elemento de carater lúdico-juvenil. Contempla ainda a arborização e plantação de vegetação autóctone, bem como instalação de mobiliário urbano.

Recorde-se que este protocolo foi aprovado em reunião pública de 22 de dezembro de 2021, de acordo com as normas e os critérios do Regulamento de Apoio ao Associativismo Social e Juvenil do Concelho de Évora, e visa dar seguimento à candidatura também já aprovada no âmbito do Programa Bairros Saudáveis a que a Associação se candidatou e engloba ainda a realização de um conjunto de atividades colaterais, nomeadamente ações de educação ambiental com a participação da comunidade escolar, feira/mercado de artesanato e produtores locais, assim como sessões de ginástica sénior ao ar livre.

Foi também desenvolvida nesta mesma manhã a aula de educação ambiental ao ar livre “O Nosso Bosque” com a participação dos alunos do Jardim de Infância e 1º ciclo da Escola Manuel Ferreira Patrício que plantaram um pequeno bosque de árvores e arbustos autóctones. Tal atividade pretendeu mostrar a importância da vegetação da região e o seu papel enquanto promotora de biodiversidade e de proteção do solo contra as alterações climáticas.

Visou igualmente desenvolver o sentimento de pertença do espaço público, sensibilizando para a importância do cuidado colectivo deste.

Populares