30.4 C
Vila Viçosa
Terça-feira, Junho 25, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

CRI promove com GNR de Évora intervenção nos problemas ligados ao álcool

Na sequência da sessão solene de assinatura do protocolo de cooperação do Observatório AlenRisco, um projeto da Universidade de Évora, em parceria com a Administração Regional de Saúde do Alentejo e a Direção Geral de Estabelecimentos Escolares, no próximo dia 7 decorrerá um evento, com a GNR de Évora, para discussão do reforço da cooperação institucional sobre intervenção nos problemas ligados ao álcool, conforme nos foi avançado pelo Coordenador do CRI do Alentejo Central, Paulo de Jesus.

A região do Alentejo possui em quase todos os ciclos de vida, os piores indicadores (entre outro) de consumos abusivo de álcool a nível nacional. Este fenómeno, que afeta particularmente os mais jovens, constitui um elemento profundamente desorganizador do ponto de vista dos outros indicadores. Questões como a saúde mental, violência doméstica, precariedade socio económica e comportamentos sexuais de risco são também, transversalmente afetado por estes consumos. 

Neste quadro, o Centro de Respostas Integradas do Alentejo Central, depois de desafiar a Universidade de Évora, Saúde Escolar e Direção Regional de Educação para a construção do Observatório, convidou o Comando Distrital de Évora da GNR para a realização deste encontro técnico, para discussão do reforço da cooperação institucional sobre intervenção nos problemas ligados ao álcool. 

As ações de prevenção, sensibilização e fiscalização, realizadas por esta força de segurança, reforçadas pelas competências do CRI do Alentejo Central, poderão constituir um reforço das respostas ao problema do consumo abusivo do álcool particularmente entre os menores. A ativação do artigo 7º da lei do álcool que possibilita a sinalização de menores em situação de consumo e a sua referenciação para os Núcleos de Apoio a Crianças e Jovens em Risco (NACJR), o encaminhamento para programas de prevenção ou de intervenção terapêutica, o reforço das ações de fiscalização rodoviária ou de venda em estabelecimentos comerciais, a criação de um Roteiro da Noite Segura, constituem objetivos que se impõe concretizar com a máxima urgência. 

Populares