15.4 C
Vila Viçosa
Quinta-feira, Junho 20, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

CTT e vinhos do Alentejo venceram os prémios de transformação e sustentabilidade nos IRGAwards

Numa iniciativa da Deloitte, os CTT e Comissão Vitivinícola Regional Alentejana venceram os prémios de transformação e sustentabilidade dos Investor Relations and Governance Awards (IRGAwards).

A iniciativa decorreu recentemente no Pavilhão Carlos Lopes, em Lisboa.

O projeto “Apoio à Digitalização do Comércio Local em Portugal”, dos CTT, arrebatou o Transformation Award.

Assim, os Correios, através desta iniciativa, criaram um marketplace digital de enfoque local, que permite aos pequenos comerciantes, que tradicionalmente têm apenas presença no físico, terem uma loja online, através de uma aplicação digital simples e intuitiva, fornecida através dos municípios em que estão sediados.

Através desta solução, os pequenos negócios adotaram o e-commerce durante a pandemia e o confinamento.

O CEO dos CTT destacou “é difícil encontrar um prémio que ilustrasse melhor o processo de transformação que atravessamos”, acrescentando “Desde logo porque o digital é o que mais se opõe ao postal. Depois, é um exemplo de time to market: o estado de emergência foi declarado a 18 de março de 2020 e nós ainda em março lançamos a iniciativa de criar lojas online CTT (…) Temos hoje milhares de pequenas empresas e comerciantes a vender no digital”, adiantou.

O Sustainability Initiative Award foi para o Programa de Sustentabilidade dos Vinhos do Alentejo da Comissão Vitivinícola Regional Alentejana (CVRA). Em parceria com a Universidade de Évora, o projeto permite aos membros avaliar a forma como desenvolvem atualmente as suas atividades e oferecer recomendações para através de melhores práticas, na vinha e na adega, aumentar a competitividade e a sustentabilidade.

O Programa de Sustentabilidade dos Vinhos do Alentejo (PSVA) foi, esta quinta-feira, dia 23 de setembro, distinguido nos IRGAwards, uma iniciativa da Deloitte que premeia o desempenho de empresários e empresas há mais de três décadas e que, este ano, estreou uma nova categoria “Sustainability Initiative Award”, cujo galardão foi atribuído à iniciativa sustentável da Comissão Vitivinícola Regional Alentejana (CVRA), conforme nota de imprensa enviada à nossa redação.
“Foi com muito orgulho que recebemos a distinção de um programa que coloca a região do Alentejo como pioneira na implementação de políticas e medidas de agricultura sustentável e que vão ao encontro dos objetivos traçados para a construção de um futuro melhor”, salienta Francisco Mateus, presidente da CVRA, relembrando que “o PSVA foi criado em 2015 e conta já com 448 membros associados, que representam mais de 42% da área de vinha do Alentejo.” 
A distinção pretendeu reconhecer iniciativas que, segundo a Deloitte “tenham tido um impacto significativo na melhoria das condições do governo societário ou do mercado, visando nomeadamente atender à responsabilidade pelos impactos sociais e ambientais da atividade empresarial.” 
Redução de emissões e intensidade carbónica, gestão efetiva e valorização para reciclagem, redução ou reutilização de resíduos, ações de integração e inclusão de grupos desfavorecidos, manutenção e criação de emprego, suporte a comunidades locais e colaboradores e promoção de uma educação inclusiva e de qualidade são alguns dos critérios de avaliação do prémio nos eixos do impacto ambiental e social. 
Recorde-se que o PSVA, pela promoção de práticas mais sustentáveis ao nível ambiental, social e económico nas vinhas e adegas alentejanas, foi já distinguido com inúmeros prémios internacionais, desde o “The Drinks Business Green Awards”; os Prémios Europeus de Promoção Empresarial, uma iniciativa da Comissão Europeia e coordenada, em Portugal, pelo IAPMEI; ou o título de Embaixador Europeu de Inovação Rural pelo projeto LIAISON, uma Parceria Europeia de Inovação para a Produtividade Agrícola e Sustentabilidade lançada, igualmente, pela Comissão Europeia.   

Fonte: ECO/Nota de imprensa

 

 

Populares