18.2 C
Vila Viçosa
Terça-feira, Junho 18, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Elvas: Pianista reguenguense promoveu espetáculo “Alentejo- 4 fados, 4 estações” (c/som e fotos)

O Cine-Teatro de Elvas acolheu, no passado sábado, 23 de abril, no âmbito das comemorações do 25 de abril, o espetáculo musical "Alentejo – 4 Fados, 4 Estações" ,de Mário Moita .

Neste concerto que foi entusiasticamente aplaudido pelo público, o artista uniu o cante alentejano e o fado, ambos classificados como Património Imaterial da Humanidade pela Unesco, acompanhando os vários temas musicais ao piano.

Mário Moita, natural de Reguengos de Monsaraz, iniciou a sua carreira musical , aos oito anos, altura em que venceu a gala dos pequenos cantores ,do distrito de Évora. Mais tarde iniciou os  estudos de piano no conservatório de música eborense com a Professora, Maria de Lurdes Horta. Na sua passagem pelo ensino superior, nomeadamente pela Universidade dos Açores, enquanto aluno do curso de Engenharia Zootécnica,fundou o grupo musical que iria dar origem à Tuna Sons do Mar, posteriormente regressou ao Alentejo e criou a Tuna Seistetos ,da Universidade de Évora. O cantor e pianista já representou Portugal em mais de 30 países

A Rádio Campanário acompanhou a sessão e esteve à conversa com o artista, Mário Moita, que nos falou de um recuperar de uma tradição, afirmando que “o fado ao piano foi uma tradição de, 1870, que nós perdemos, em Portugal, mas que teve um momento muito importante em Reguengos de Monsaraz, com as composição de temas como “o Senhor Vinho”, a “Casa da Mariquinhas”, “Vou dar de beber á dor”, foram grande fados de, Amália Rodrigues, compostos ao piano por, Alberto Janes, que foram a minha inspiração para iniciar esta digressão mundial.”

Questionado sobre a sua escolha de recriar o fado consoante as estações do ano, o pianista revelou que “através de fotografias e vídeos do nosso país tento ao longo dos vários espetáculos que vou promovendo transmitir uma imagem mais positiva, mais romântica e  mais alegre da música portuguesa.”

Mario Moita mostra-se satisfeito por ter tido novamente a oportunidade de actuar em Elvas assegurando que “fiquei extremamente contente por ter voltado a subir a este palco com este repertório que apresento pelo mundo que é o fado ao piano.”

A esta Estação Emissora o Embaixador Cultural de Reguengos de Monsaraz, adiantou ainda que “muito em breve irei participar num festival internacional de música, na Coreia do Norte, depois irei para o Brasil sendo que ainda regressei a Portugal ,para actuar na Feira do Livro de Ponte da Barca.”

Populares