18.2 C
Vila Viçosa
Terça-feira, Junho 18, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Em Montemor-o-Novo, Olímpio Galvão diz ser um maestro que irá “realizar grandes sinfonias para toda a população” (c/som e fotos)

Olímpio Galvão, que venceu as eleições autárquicas de 2021 em Montemor-o-Novo, encabeçando a candidatura do Partido Socialista, tomou posse hoje, no dia 17 de outubro, pelas 15h, no Cine-teatro Curvo Semedo.

 

Há 45 anos gerido pela CDU, esta mudança para o PS, em Montemor-o-Novo “significa um projeto com pessoas que estão de bem com a vida, que tinham as suas carreiras, mas que amam Montemor, e quando nós dizemos que amamos Montemor, não é apenas uma expressão para a campanha”, referindo assim o seu percurso de vida, no qual “passei por associações culturais, associações ligadas à deficiência mental, enfim, tenho dedicado muito da minha vida [a Montemor], mas por gosto”, disse à RC o Olímpio Galvão.

 

No que diz respeito ao seu mandato e à sua equipa, o Presidente agora empossado, afirma que ter “uma equipa fabulosa a querer trabalhar por esta terra”. Apesar de estar “sob o signo do PS, os vereadores somos todos militantes e acreditamos no PS e na força que o PS tem no desenvolvimento do Alentejo”, Olímpio Galvão afirma que “o nosso primeiro partido é Montemor-o-Novo e então iremos trabalhar, muito, muito, muito, para desenvolver este concelho” e “para ter uma gestão camarária diferente daquilo que tem sido nos últimos 45 anos”, na qual “quase tudo era ligado a intenção política e partidária”.

 

Durante o discurso de tomada de posse fez uma analogia entre o cargo que agora assume, como presidente do município, e o papel de um maestro de uma orquestra com mais de 400 músicos. Questionado sobre qual a música que iria tocar daqui em diante, afirmou que “nós iremos tocar muito o reportório que as pessoas também escolherem”, no qual procurará fazer “uma combinação de novo reportório e reportório que as pessoas gostem de ouvir, para as pessoas se sentirem bem e terem orgulho na sua terra e dizerem que são de Montemor-o-Novo”. Pois será “essa combinação”, entre as forças eleitas, “que poderá gerar aqui uma mais-valia nos próximos nos”.

 

Mesmo as “dissonâncias” com outras forças partidárias, Olímpio Galvão afirma que “fazem depois sentido, para dar uma combinação diferente”, para “realizar aqui grandes sinfonias para toda a população”.

{gallery}Montemor Tomada de Posse 2021{/gallery}

Populares