19.3 C
Vila Viçosa
Sábado, Junho 22, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Encontro de freguesias reuniu uma centena de autarcas em Beja!

Teve lugar este sábado, 11 de março, no auditório do NERBE, em Beja, um encontro de autarcas de freguesia promovido pela delegação distrital de Beja da Associação Nacional de Freguesias (ANAFRE), no âmbito do plano de atividades para 2023.

Um encontro que contou com a presença de mais de uma centena de autarcas de freguesia vindos de vários pontos do distrito de Beja em representação de 50 das 75 freguesias existentes.

A sessão de boas vindas contou com a presença do presidente da câmara municipal de Beja, Paulo Arsénio, do presidente da junta de freguesia anfitriã, União das Freguesias de Santiago Maior e São João Baptista, Miguel Ramalho, do coordenador distrital, Vitor Besugo e da vice-presidente da ANAFRE, Olga Freire, que destacaram o papel da ANAFRE nas conquistas recentes para as freguesias. Participaram ainda neste encontro os dois vices presidentes da ANAFRE, Jorge Amador e Nuno Gaudêncio.

O número de participantes no encontro revela a importância e a recetividade que o mesmo teve junto dos autarcas e demonstrou a união entre todas as freguesias, pois estes momentos de reflexão e debate entre todos são importantes porque os problemas que cada um tem na sua freguesia acabam por ser comuns e nestes fóruns muitos saem mais esclarecidos.

A transferência de competências dos municípios para as freguesias, foi um dos temas mais quentes do encontro, pois apesar de já se encontrar em vigor há cerca de três anos e meio, ainda existe um caminho longo a percorrer. No distrito de Beja, apenas metade dos concelhos já realizam a transferência de competências, faltando ainda Aljustrel, Alvito, Beja, Cuba, Ourique, Serpa e Vidigueira. De recordar que esta transferência de competências tem por base um acordo celebrado entre a ANAFRE, a Associação Nacional de Municípios e o Governo.

No debate esteve ainda em destaque a perspetiva de as Juntas de Freguesia poderem vir a beneficiar de apoios comunitários no âmbito do Portugal 2030, tendo sido apresentados os 8 eixos enviados pela ANAFRE à Ministra da Coesão Territorial e recolhidos contributos em áreas e intervenções que as Freguesias consideram de grande importância e âmbito das suas competências próprias.

Populares