12 C
Vila Viçosa
Sábado, Fevereiro 24, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Grande lago de Alqueva nasceu no Alentejo há 22 anos

A Barragem de Alqueva, também designado como o maior lago artificial da Europa, comemora hoje 22 anos de existência.

Foi a 8 de fevereiro de 2002, há 22 anos atrás, que foram encerradas as comportas da barragem, dando início ao enchimento da albufeira de Alqueva, a maior reserva de água Nacional.

Alqueva é hoje fator de desenvolvimento na Região Alentejo e constitui-se como uma das mais importantes reservas de água do território. É através desta Barragem que é possível permitir todas as valências do Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva.

Alqueva reveste-se de particular importância no Alentejo, em especial nas áreas da agricultura e da produção de energia hidroelétrica.

Mas o maior lago artificial da Europa é ainda essencial no abastecimento público e industrial. Ao longo destas mais de duas décadas tem reforçado também a sua importância no desenvolvimento do turismo da região Alentejo, onde são cada vez mais os investidores que apostam neste setor e escolhem a região para fazerem nascer novos locais de atratividade.

A construção da Barragem de Alqueva, pela sua magnitude há-de ser sempre um marco na história do Alentejo. Pela sua dimensão gigantesca, envolveu 1 milhão e 100 mil metros cúbicos de betão, 20 mil toneladas de aço e 582 instrumentos de monitorização, ligados a 37 mil metros de cabos.

Alqueva é nos dias de hoje fundamental para a Região, tendo em conta a escassez de água existente, fruto de um ano de seca extrema, fazendo deste bem, um bem cada vez mais escasso.

Para o ano em que se assinalam os 22 anos desta Barragem, a EDIA- Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas do Alqueva, S.A., responsável pela sua gestão, prevê um investimento de mais de 100 milhões de euros, reforçando a aposta em Blocos de rega, na componente da energia elétrica e também com a construção do Centro de Alqueva, onde será possível dar a conhecer a importância estratégica que a Barragem tem, no País, mas sobretudo no Alentejo .

Populares