7 C
Vila Viçosa
Terça-feira, Abril 23, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Helicópteros Koala aterraram no Alentejo há cinco anos e já salvaram várias vidas!Mais de 6 mil horas de voo

Faz hoje cinco anos que os dois primeiros helicópteros AW119 Koala aterraram no Alentejo.

Chegaram à Base Aérea nº 11, em Beja, e rápidamente se tronaram essenciais para o desempenho da missão mais importante da Força Aérea Portuguesa: salvar vidas.

Helicópteros monomotores, são extremamente versátil, capaz de operar em ambiente noturno com a utilização de óculos de visão noturna e cumprindo um leque bastante alargado de missões como sejam: instrução básica e avançada de voo, busca e salvamento, evacuação sanitária, patrulhamento e observação e apoio ao combate aos incêndios rurais. 

Uma das suas mais valias assenta no trem de aterragem do tipo “patins” que dispõe, com capacidade de instalação de flutuadores para a missão de busca e salvamento sobre ambiente marítimo. Para esta missão em particular, pode ainda ser equipado com guincho e farol de busca. 

Tem a capacidade de transportar até sete passageiros (além do piloto), ou uma maca e cinco passageiros, ou ainda 1400Kg em carga suspensa, onde se inclui um balde para o combate aos incêndios rurais. 

Desde que integraram a Esquadra 552 – “Zangões”, sedeada em Beja, esquadra á qual estão alocados, já realizaram mais de 6600 horas voadas.

No seu percurso em Portugal são muitas as histórias com final feliz que se podem contar, histórias de vidas salvas e resgates efetuados com sucesso.

Foto: @FAP

Populares