29.8 C
Vila Viçosa
Sexta-feira, Junho 14, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Município de Elvas e Associação Empresarial abordam projetos e parcerias

CM Elvas

O presidente da Câmara Municipal de Elvas, comendador José Rondão Almeida, reuniu esta quinta-feira, dia 7 de setembro, com a direção da Associação Empresarial de Elvas.

Segundo o Município de Elvas, o encontro de trabalho teve como objetivo a realização de uma análise de alguns projetos, que estão a ser realizados em parceria, nomeadamente o dos Bairros Digitais, cuja primeira fase já foi aprovada, num investimento de um milhão de euros.

Na reunião, foi também feita a apresentação do resultado do trabalho realizado no último ano, na área do apoio aos empresários e às empresas, tendo sido apresentada a proposta para a realização de alguns projetos em parceria, que o Município de Elvas irá contemplar nas Grandes Opções do Plano para o próximo ano, uma vez que o concelho está a necessitar de algumas das propostas e soluções aqui apresentadas de investimento.

De acordo com o Município, o presidente da Câmara Municipal mostrou-se muito agradecido pela informação, que lhe foi dada, das propostas de empresas que mostram interesse em se fixar no nosso concelho, com a consequente criação de emprego.

A autarquia elvense refere que o município está “empenhado em apoiar todas as empresas que se queiram fixar no nosso concelho, dentro daquelas que são as suas competências nesta área, e tudo fará para ajudar os empresários interessados em se localizar em Elvas”.

O presidente da Associação Empresarial de Elvas, João Pires, reforçou que esta reunião serviu para fazer um balanço do trabalho que têm vindo a desenvolver, “sempre em prol dos empresários elvenses e das suas aspirações”.

Recorde-se que o Município de Elvas e a Associação Empresarial, em parceria, viram a candidatura aos Bairros Digitais – 1ª fase, aprovada e encontram-se a ultimar a segunda fase do projeto a candidatar. Este tem por objetivo promover e fomentar o desenvolvimento dos setores do comércio e dos serviços abertos ao consumidor, visando a digitalização dos operadores económicos e dos seus modelos de negócio, a promoção do comércio online e da integração digital das cadeias de abastecimento e escoamento.

Um dos projetos a desenvolver refere-se à internacionalização dos produtos endógenos, em parceria, assim como a aposta nas vertentes do Turismo Militar e Gastronómico.

Populares