8.2 C
Vila Viçosa
Sábado, Fevereiro 24, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Museu Berardo recebe apresentação do projeto “Carta Arqueológica do Concelho de Estremoz”

CM Estremoz

No próximo dia 25 de fevereiro, pelas 15:00 horas, irá decorrer no Museu Berardo Estremoz a apresentação pública do projeto de Investigação CAETZ “Carta Arqueológica do Concelho de Estremoz”.

O Projeto de Investigação CAETZ resulta de um Protocolo de Colaboração entre o Município de Estremoz e a Universidade de Évora, coordenado pelo Prof. Doutor André Carneiro, docente do Departamento de História, conforme nota de imprensa enviada à nossa redação.

O Projeto CAETZ tem como objetivo proceder a uma leitura global sobre o povoamento humano antigo no território do concelho de Estremoz. Como tal, pretende-se efetuar um levantamento tão sistemático quanto possível das evidências materiais existentes no concelho, contribuindo com um documento que garanta a salvaguarda, a valorização e a divulgação do património existente; um valoroso instrumento que permita conhecer e gerir o património arqueológico na ótica autárquica, maximizando os valores patrimoniais e minimizando eventuais impactos decorrentes de futuros empreendimentos.

Com o projeto CAETZ o património arqueológico do concelho de Estremoz irá assumir-se como um recurso fundamental na gestão articulada do ordenamento do território e no desenvolvimento sustentado do concelho de Estremoz.

A apresentação pública deste projeto de investigação será transmitida, em direto, na página do Facebook do Município de Estremoz, e contará com as seguintes intervenções:

– 15:00 horas – Sessão de abertura (Sr. Presidente da Câmara Municipal de Estremoz e Sr. Chefe de Divisão Dr. Hugo Guerreiro);

– 15:10 horas – Apresentação do projeto de investigação CAETZ: objetivos e metodologia, por Rita Laranjo (Município de Estremoz);

– 15:30 horas – Os métodos de arqueologia não-invasiva ao serviço da Carta Arqueológica de Estremoz, por Jesús García Sánchez (Instituto Arqueológico de Mérida – CSIC);

– 15:50 horas – Estudios en Humanidades Digitales. Aplicaciones SIG en Alentejo y Estremoz, por Pedro Trapero Fernandez (Universidad de Cadiz/Universidade de Évora);

– 16:10 horas – Resultados Preliminares e Perspetivas de futuro, por André Carneiro (Universidade de Évora).

Populares