16.5 C
Vila Viçosa
Sábado, Junho 22, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

“O objetivo deste workshop é fazer com que esta arte da Olaria de Nisa não se perca” diz Ana Margarida Ambrósio

Nos dias 20 e 21 de maio, entre as 09:00h e as 18:00h, o projeto “À Roda do Barro”, vai desenvolver workshops à volta da Prática Intensiva de Oleiro com foco na técnica e tradição da Olaria de Nisa.

A Rádio Campanário falou com Ana Margarida Ambrósio, uma das integrantes do projeto, sobre este workshop e sobre quais os objetivos do mesmo.

Questionada sobre a realização deste workshop, Ana Ambrósio começou por referir que “ ‘À Roda do Barro’, já organiza workshops deste tipo essencialmente em Lisboa e em Cascais mas, com a Olaria de Nisa, é a primeira vez, isto porque, este ano fiz uma formação através do IEFP com oleiros de Nisa e achei que fazia sentido fazer este tipo de iniciativa na terra e dar continuidade a esta tradição. Uma vez que já tínhamos este background de fazer workshops com a roda de oleiro e modelação, pensámos trazer esta técnica decorativa que é muito característica e é um património que corre o risco de se perder se não for partilhado”

Quando questionada se a partilha desse património poderia incentivar os mais jovens para a importância da olaria de Nisa, a organizadora do workshop disse-nos que “uma das formas de manter a tradição viva é através dos jovens, porque muitas vezes o interesse desperta-se nestas idades mais tenras e, se calhar, é uma forma de dar continuidade a este ofício, que no Alentejo já foi muito comum e, hoje em dia, não tanto”.

As principais atividades a serem desenvolvidas neste workshop são, segundo Ana Margarida Ambrósio, no dia 20, atividades dedicadas à prática intensiva de roda, onde os participantes vão estar numa roda só para eles, guiados pela própria Ana Ambrósio, por Ana Malot e pela Dona Joaquina, onde vão estar numa verdadeira olaria e, vão começar pelo princípio do molde das peças, desde “atirar o barro à parede, amassar o barro, os participantes vão trabalhar com a roda elétrica mas, também vão experimentar a roda a pedal, que não é tão fácil porque é necessário mais coordenação motora mas, penso que será uma experiência interessante para os participantes”.

“O barro usado em Nisa é tingido, ou seja, não é vermelho e é mais difícil de trabalhar. Nós vamos construir as peças num tipo de barro que é mais fácil de trabalhar, que vem de Mafra, vamos construir as peças e, no dia seguinte, vamos pedrar, ou seja, na Olaria de Nisa a decoração é feita com pedras de quartzo cozidas no forno, moídas e peneiradas e, como estamos na primavera, as peças secam ao natural, ou seja ao ar e com o sol, o que faz com que tenham uma textura mais adequada a moldar a peça sem a amassar e depois vamos então riscar a peça e colocar a decoração com as pedras. Depois os participantes têm direito a duas peças que eles próprios fizeram e, assim, ficam com um contacto deste património”.

 

Pode efetuar a inscrição no workshop através dos seguintes contactos:

Ana Margarida Ambrósio – 929 437 164

À Roda do Barro – 966 792 699

Através do e-mail: ama.arodadobarro@gmail.com

Ou em www.arodadobarro.com

Populares