14.9 C
Vila Viçosa
Terça-feira, Abril 16, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Orada (Borba): Companhia do Mestre Sandes em documentário na Casa da Cultura quando se prepara Companhia de Teatro com Bonecos da Orada (c/som e fotos)

A Casa do Povo da Orada, recebeu o filme rodado na Orada na década de 70, com a Companhia do Mestre Sandes.

A iniciativa aconteceu este sábado, dia 16 de abril, pelas 15h00, tendo sido do agrado de todos os presentes. 

A Rádio Campanário falou com o presidente da Casa da Cultura da Orada, Paulo Laranjo que afirma ser “um documentário fantástico que retrata a simplicidade de um povo, as origens, como eles passavam os seus serões, como viviam a sua cultura, tentamos retratar e convidar as pessoas que trabalharam com o Sandes (…) não o conheci mas lembro-me perfeitamente dele (…) era um poeta, não conheci ninguém como ele”.

Instado sobre se os Bonecos são de Santo Aleixo ou da Orada, refere que “havia várias companhias de bonecos, mas esta que presenciamos eram os Bonecos de Sandes e Bonecos da Orada e essas várias companhias andavam de terra em terra (…) mas o nome Santo Aleixo não existe porque não existem Bonecos em Santo Aleixo”, acrescentando que poderão ter ficado conotados devido a “possivelmente numa dessas digressões, eles estiveram algum tempo sedeados em Santo Aleixo e criaram algumas raízes lá, daí o nome”.

Paulo Laranjo avança que a Casa da Cultura está a preparar uma companhia de teatro, “nomeadamente os Bonecos da Orada. Vão ter nova vida ainda no ano de 2016, já estamos a ensaiar (…) outubro ou novembro, contamos estar a apresentar os Bonecos da Orada (…)”.

A Rádio Campanário falou também com Constantina Santos, filha do Mestre Sandes que referiu emocionada que gostou muito “porque vi o meu pai como ele era, como cantava, como cantávamos (…) eu moro em Évora mas se estivesse perto ainda dava vida a um destes bonecos, dava-lhes muitas dicas porque isto está tudo na minha cabeça, eu não me esqueci de nada (…)”.

Joaquim Santos, o filho do Mestre Sandes, referiu à reportagem desta Estação Emissora que foi com emoção que visualizou parte da vida do seu pai, “estou sem palavras (…)” mostrando-se surpreendido com o que foi conseguido, “vi o meu pai a falar o historial dos bonecos (…)”.

Populares