22.6 C
Vila Viçosa
Sábado, Junho 22, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Parlamentares franceses visitam Évora para conhecer candidatura a Capital Europeia da Cultura!

 Constituição de entidade de governança, infraestruturas e cronograma de financiamento foram alguns dos tópicos abordados durante o encontro. Um grupo de parlamentares do Senado francês visita hoje a cidade de Évora, numa deslocação que tem por objetivo abordar, especificamente, o processo de candidatura a Capital Europeia da Cultura, iniciativa que Évora recebe em 2027.

A comitiva de senadores franceses será recebida pelo Presidente da Câmara Municipal de Évora, Carlos Pinto de Sá e irá conhecer algumas instituições de referência na cidade, tais como o Museu Frei Manuel do Cenáculo, a Biblioteca Pública de Évora e o Laboratório HERCULES, numa visita que terá especial incidência nas questões do património.

Durante a tarde, o grupo de representantes francês reúne na Torre do Salvador com a Equipa de Missão Évora_27, num encontro destinado a partilhar a experiência do processo de candidatura que trouxe o título de Capital Europeia da Cultura para Évora, e o Alentejo, assim como os primeiros passos na implementação do projeto.

“A candidatura a Capital Europeia da Cultura é um processo longo e complexo, e inédito em Portugal neste modelo competitivo, no qual se apresentaram 12 cidades.

França está agora a viver um processo semelhante, e é com enorme satisfação que partilhamos a experiência de Évora, e uma parte do nosso caminho coletivo,” declara Carlos Pinto de Sá, Presidente da Câmara Municipal de Évora. “No mês em que celebramos o Dia da Europa, este é um encontro significativo para Évora_27, na medida em que permite cumprir um dos objetivos principais da Capital Europeia da Cultura: aproximar os povos europeus a partir da cultura, afirmando aquilo que nos une, mas também, a partir da identidade de cada país, evidenciando aquilo que nos torna únicos”, salienta Paula Mota Garcia, Coordenadora da Equipa de Missão Évora 27. “Évora_27 não foi, em vários aspetos, a candidatura-tipo, e por isso é com sentido de responsabilidade que transmitimos a nossa experiência de construção a outras cidades que se candidatam à maior iniciativa cultural da Europa,” conclui. Em 2028, uma cidade francesa receberá o título de Capital Europeia da Cultura.

Na corrida, ainda estão as cidades de Bourges, Clermont-Ferrand, Montpellier e Rouen, as finalistas de um processo de seleção semelhante ao que aconteceu em Portugal, entre 2020 e 2022, e para o qual concorreram 12 cidades. Para além de França, também a República Checa e um país pertencente à Associação Europeia de Comércio Livre (EFTA)/Espaço Económico Europeu (EEE) irão acolher uma Capital Europeia da Cultura em 2028.

Depois de um processo de seleção para o qual concorriam 12 cidades portuguesas, Évora foi oficialmente designada Capital Europeia da Cultura em fevereiro de 2023. Évora_27 propõe o VAGAR – enquanto plena consciência de que nós, enquanto humanos, estamos sempre em relação com tudo o que nos rodeia – como resposta urgente de futuro para os desafios que a Humanidade enfrenta.

Questionando a nossa posição de dominância, o VAGAR envolve coevolução, contenção, criação e construção, tempo e espaço, memória e coletivo, resiliência e tensão e é apresentado como “uma outra arte de existência”. Évora_27 Capital Europeia da Cultura, é promovida pela Comissão Executiva Évora 2027, liderada pela Câmara Municipal de Évora.

Esta Comissão Executiva é ainda constituída pela Direção Regional de Cultura do Alentejo, Universidade de Évora, Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central, Comissão de Coordenação de Desenvolvimento Regional do Alentejo, Turismo do Alentejo – ERT, Fundação Eugénio de Almeida e Agência Regional de Promoção Turística do Alentejo – ARPTA. Évora_27 conta com apoio das quatro comunidades intermunicipais do Alentejo que representam os 47 municípios da região.

Populares