18.7 C
Vila Viçosa
Terça-feira, Junho 18, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Rádio Campanário mostra-lhe pela primeira vez as touradas de morte em Barrancos (c/som e fotos)

As touradas de morte, o grande atrativo do programa das Festas de Barrancos e as únicas legais em Portugal, graças a um regime de exceção aprovado em 2002, começaram na sexta-feira, dia 29 de agosto e prolongaram-se ao longo de todo o fim de semana.

Cinco toureiros espanhóis atuaram nas touradas de morte das Festas de Barrancos, que cumpriram uma tradição legalizada há 12 anos.

A Feira de Barrancos, popularizada e mediatizada devido aos touros de morte e que mistura celebrações religiosas e divertimentos pagãos em honra de Nossa Senhora da Conceição, a padroeira da vila raiana, é organizada pela Comissão de Festas de Barrancos.

A Rádio Campanário esteve presente no último dia do evento e falou com o presidente da Comissão de Festas que nos “mostrou” um pouco das tradições barranquenhas, tradições centenárias que anualmente recebem milhares de visitantes, “umas festas muito conhecidas de una anos para os outros, que por si só são anunciadas”, refere.

O responsável fala ainda sobre o dialeto muito próprio da região, dizendo, “é uma língua própria muito nossa e que vai passando de geração em geração”.

{play}http://radiocampanario.com/sons/Barrancos1setembro14.MP3{/play}

José Mendes (quinta-feira), Los Romeros (sexta-feira), Grupo Voz Amiga (sábado) e Escuela de Baile de Barrancos, Rumbo Flamenco, Zapatito de Tacón e Roberto Carlos (domingo) foram os artistas e grupos que atuaram nos espetáculos previstos para a Praça da Liberdade.
O trio Diviertet3 (quinta-feira), as orquestras Nuevo Milenio (sexta-feira) e Iberotropical (sábado) e o Grupo Calle Sierpes (domingo) animaram os bailes no Quintalão de Festas.

Populares