25.4 C
Vila Viçosa
Quinta-feira, Maio 30, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Secção Politica do PSD chumba proposta de coligação com Movimento Independente MUC em que António Jardim encabeçava a lista (c/som)

O PSD (Partido Social Democrata) de Vila Viçosa está a preparar as próximas eleições autárquicas de 2017. A secção reuniu extraordinariamente para receber uma proposta que chegou pela mão do representante do Movimento Independente MUC – Movimento de Unidade dos Cidadãos do Concelho de Vila Viçosa, na pessoa de António Jardim.

Como explica a Presidente da Secção Política do PSD de Vila Viçosa, Ana Cotovio, “houve uma oferta por parte do Sr. António Jardim para encabeçar a lista do partido. Mas a proposta é chumbada, bem como a fusão com o Movimento Independente MUC.” A responsável política frisa ainda que ”não existia qualquer aval, a esta proposta, por parte da distrital do PSD, dado que a secção é autónoma nas suas decisões.”

Ana Cotovio diz também que “António Jardim já tinha apresentado esta proposta no Partido Socialista (PS) mas que também lhe tinha sido negada”. 

Questionada pela Rádio Campanário se Inácio Esperança seria candidato à Assembleia Municipal, nas próximas eleições autárquicas, a mesma responde que “Inácio Esperança é um militante refiliado do PSD, que neste momento há vontade do partido que ele integre as listas, o que acontecerá certamente, mas no tempo certo e para o bem dos munícipes”. Afirmando mesmo que “é prematuro, neste momento, fazer afirmações sobre as futuras listas do PSD” às autárquicas de 2017.

Relembramos que Inácio Esperança encabeçou a lista como candidato à Câmara Municipal de Vila Viçosa, nas autárquicas de 2013, pelo MUC e António Jardim à Assembleia Municipal, pelo mesmo Movimento Independente.

Populares