COVID19

COVID-19: Portugal entre os cinco países europeus onde a pandemia está a recuar

Regional 12 Ago. 2020

De acordo com o mais recente relatório do Centro Europeu de Controlo e Prevenção de Doenças (ECDC), Portugal está entre os cinco países europeus em que os números da pandemia estão a recuar. Com a realização de mais testes e o número de infeções a descer quase 30% nas últimas semanas, Portugal parece contrariar a tendência de praticamente todos os países da Europa.

A análise do Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças revela que depois de ter sido atingido o pico de infeções na Europa em abril, os números caíram, em resultados das restrições, do confinamento e de muitas das medidas de distanciamento aplicadas.

"À medida que os países recuperaram o controlo da transmissão e aliviaram a carga sobre [os sistemas] da saúde, muitas medidas foram relaxadas ou removidas para permitir um modo de vida mais viável com o vírus em circulação. Depois disso, um recente aumento de casos de COVID-19 foi relatado em muitos países da UE".

"Embora muitos países estejam a testar casos leves e assintomáticos, o que resultou num aumento de casos confirmados, observa-se um verdadeiro reaparecimento de casos em vários países, em consequência do alívio de algumas medidas de distanciamento físico", lê-se no documento divulgado esta terça-feira.

O relatório, que avalia 31 países europeus (os 27 membros da União Europeia mais o Reino Unido, Islândia, Liechtenstein e Noruega), indica que a 2 de agosto, Portugal registava 28,4 casos ativos por cem mil habitantes, um valor que, ainda assim, permanece acima da média europeia, que é de 21,5.

No total europeu, há 26 países em que as infeções subiram e apenas cinco em que desceram – além de Portugal, surge a Suécia, Croácia, Eslovénia e Letónia.

De acordo com estes dados, há dez países que continuam a ter mais de 20 casos de infeção por cada 100 mil habitantes num intervalo de 14 dias, mas desses, há dois com descidas superiores a 30 por cento: Portugal e Suécia.

Depois de Portugal e da Suécia, também a Croácia, a Letónia e a Eslovénia têm parecer positivo na taxa de incidência nos últimos 14 dias. Todos os outros países europeus estão, assim, com uma tendência menos animadora.

Recorde-se, que Portugal e Suécia eram dois dos países em que este indicador era mais alto, mas nesta análise contrastam com os seis em que aconteceu o oposto: Espanha, Bélgica, Luxemburgo, Malta, República Checa e Roménia - que viram os casos subir em 30 por cento ou mais.

O mesmo documento revela ainda que Portugal é dos países onde se realizam mais testes e, ainda assim, os números relativos à COVID-19 parecem continuar a descer.

Segundo o documento do ECDC, Portugal chegou a atingir os 923 testes por cada 100 mil habitantes, o que o coloca muito próximo dos países com mais de mil testes por 100 mil habitantes, como a Áustria (1.120), a Irlanda (1.013), o Luxemburgo (10.659) e o Reino Unido (1.378).

(FONTE: RTP)

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Setembro 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30