Saude

Doentes para TAC do Hospital de Évora reencaminhados para clínica privada da cidade desde 1 de agosto (c/som)

Regional 06 Ago. 2018

Desde o dia 1 de agosto, a máquina de TAC (Tomografia computorizada) do Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE) encontra-se fora de funcionamento, estando os doentes a ser encaminhados para a CDI (Clínica de Diagnóstico pela Imagem) na cidade.

Maria Filomena Mendes, presidente do Conselho de Administração do HESE, em declarações à Campanário explica que se trata de um período de contingência inerente a um processo de melhoria “do único aparelho (TAC) que nós temos”.

Tratando-se de um aparelho antigo, estava frequentemente “sujeito a avarias o que condicionava muito a nossa atividade”.

Após esta intervenção, o equipamento terá “melhor definição, melhor imagem, mais cortes”.

A intervenção teve início dia 1 de agosto, e ao longo da presente semana vai ter início a formação dos técnicos do Hospital, sobre as alterações ao funcionamento do TAC.

Durante este período “em que o aparelho começa a ser já utilizado”, continuarão a recorrer à clínica, sendo que o transporte é assegurado por 3 ambulâncias.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Abril 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30