Imprimir esta página

EDIA

EDIA investe na minimização dos impactos de central solar no património cultural do Baixo Alentejo

Regional 19 Set. 2018

A EDIA (Empresa de Desenvolvimento e Infra-Estruturas do Alqueva) vai investir mais de 54 mil euros em trabalhos de minimização dos impactos sobre o património cultural, decorrentes da construção da Central Fotovoltaica de Laje (Serpa, Beja).

O contrato de execução contempla trabalhos de prospeção geofísica aplicada à arqueologia em 2,5 hectares, escavação arqueológica manual em 250 m2, decapagem mecânica em 1000 m2, e 20 dias de trabalho de um antropólogo, segundo publicação em Diário da República.

 A Central Fotovoltaica de Laje representa um investimento superior a 1 milhão de euros, e será instalada na União das Freguesias de Serpa (Salvador e Santa Maria).