Escolas de referência abrem durante férias da Páscoa para refeições

Regional 30 Mar. 2020

As mais de 700 escolas de referência abertas com serviço de refeições escolares para alunos carenciados e acolhimento de filhos/dependentes de trabalhadores de serviços essenciais vão manter-se abertas durante a pausa lectiva das férias da Páscoa.

Em comunicado o Ministério da Educação reitera que a missão das escolas é também “cumprir uma função social imprescindível, em todo o território, garantindo diariamente apoio às crianças e jovens que necessitem de acolhimento ou de uma resposta alimentar adequada, atendendo às regras de segurança determinadas pelas autoridades de saúde”.

É referido também que “na segunda semana de atividades letivas presenciais suspensas, o número de refeições servidas nas escolas de norte a sul do país tem vindo a aumentar, ultrapassando a média de 6500 refeições diárias, desde o início do processo”. O Governo explica que na quarta-feira passada, dia 25 de março, foram servidas oito mil refeições.

Segundo dados do ministério, estas escolas de acolhimento já dão resposta a 150 filhos/educandos de trabalhadores de serviços especiais que utilizaram este mecanismo.

Relativamente à intervenção educativa para crianças e jovens em situação de vulnerabilidade, além da informação enviada às escolas, o Ministério da Educação refere ter enviado um inquérito, através do qual será possível identificar, com mais detalhe, a necessidade de respostas mais casuísticas.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Junho 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30