15 Jun. 2021
 
Tauromaquia
21:00-22:00
×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 63
JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 68

Evora

Guarda Prisional suspeito da morte de agente da PSP de Évora fica em prisão preventiva

Regional 14 Dez. 2020

O guarda prisional suspeito do atropelamento mortal de um agente da PSP de Évora já foi presente ao Juiz de Instrução Criminal, em Évora, tendo-lhe sido decretada a medida coação mais gravosa, ou seja, a prisão preventiva.

Num interrogatório que durou mais de sete horas, o suspeito está agora indiciado pelos crimes de homicídio qualificado, violência doméstica e ofensas à integridade física.

O atropelamento ocorreu por volta das 21.45 horas,no passado sábado, na zona do Rossio de S. Brás. De acordo com o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora, o polícia não estava de serviço e foi transportado em estado grave para o Hospital de Évora, onde acabou por morrer.

O suspeito foi, depois"abordado" por militares da GNR, no concelho de Sintra (Lisboa), "já perto de casa", quando seguia num veículo automóvel, juntamente com "a namorada", tendo sido depois conduzido para instalações da Guarda.

"O homem e a namorada saíram juntos de Évora, na viatura, e foram para casa", mas foram intercetados pela GNR, frisou a fonte, adiantando que a mulher já "foi ouvida" pela PJ.

O alegado autor do atropelamento mortal, foi detido pela GNR às 03:50 dessa madrugada na freguesia de Ranholas, no concelho de Sintra (Lisboa), junto ao estabelecimento prisional" onde trabalhava.

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Junho 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30