30 Nov. 2022
Augusta Serrano;
Firmamento da Noite
22:00-04:00

Vila Vicosa

“V.Viçosa é excepção no património imaterial; o notável Espiga Pinto e a sua obra comprova-o” diz Carlos Filipe-Cechap(c/som e fotos)

Regional Escrito por  01 Out. 2022

 

O Centro de Estudos – CECHAP homenageou hoje o artista calipolense Espiga Pinto no com a inauguração de uma exposição inédita sobre trabalhos de sua autoria: moedas, medalhas, troféus e estudos e a realização de uma mesa redonda que contou com diversos convidados, entre eles os dois filhos do Escultor calipolense.

Espiga Pinto, nasceu em Vila Viçosa em 1940, tendo desenvolvido uma vasta obra internacional, dedicada à pintura, escultura e outras artes, inserindo-se na terceira geração de artistas modernistas.

A Rádio campanário esteve presente e falou com Carlos Filipe do Cechap, organizador da iniciativa que começou por nos adiantar “esta é uma das atividades do projeto Artes e Letras em que estamos a valorizar as figuras mais importantes nas diversas áreas da cultura e do nosso património” acrescentando “Espiga Pinto é uma figura importantíssima mas que está um pouco esquecida , desconhecida do público em geral mas que deixa uma obra notável em áreas como a escultura, pintura ou serigrafia.”

Este projeto de homenagem a Espiga Pinto arrancou hoje mas vai ser composto por diversos momentos nos próximos dois anos. A iniciativa que hoje se realizou teve como objetivo “assinalar os 8 anos da morte de Espiga Pinto”.

Os trabalhos, alguns nunca expostos nem publicados anteriormente e agora gentilmente disponibilizados pela família para iniciativa, podem ser agora visitados numa exposição disponível ao público nas instalações do Cechap até ao próximo dia 01 de dezembro.

O Projeto Artes e Letras, que tem como pano de fundo valorizar o Património imaterial da cultura local, pretende distinguir assim personalidades que se distinguiram nas mais diversas áreas. De acordo com as declarações de Carlos Filipe à RC “Vila Viçosa teve a sorte de ter a corte e ser a sede de um ducado com uma importância cultural enorme no sec. XVI” acrescentando” nós ainda não conseguimos conhecer a amplitude daquilo que foi a matriz cultural de Vila Viçosa ao longo de vários séculos ainda que vários cronistas a isso lhes tenham feito referencia.”

Para o responsável do Centro de Estudos – CECHAP “ Vila Viçosa é uma excepção no Alentejo do ponto de vista do Património Imaterial e de figuras que deixaram testemunhos fantásticos ao país, como é o caso de Espiga Pinto.

Espiga Pinto ultrapassou fronteiras pois está referenciado também internacionalmente.

O projeto Artes & Letras Alentejo, promove o património imaterial, valoriza a herança cultural, oferecendo uma nova oferta ao turismo nos concelhos de Borba, Estremoz e Vila Viçosa. É cofinanciado pelo Portugal 2020, no âmbito do Programa Operacional Regional do Alentejo2020.

 

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Novembro 2022 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30