Arraiolos

O Tapete de Arraiolos volta a estar na rua para se afirmar como património “de todos os portugueses” (c/som e fotos)

Reportagens 09 Jun. 2018

Desde a passada sexta-feira, dia 8 de junho, que “O Tapete está na Rua” foi inaugurado na vila alentejana que que mostra o artesanato e gastronomia do concelho, através da arte singular da tapeçaria arraiolense. Numa cerimónia presidida por Sílvia Pinto, Presidente da Câmara Municipal de Arraiolos, as entidades regionais do Turismo e Cultura do Alentejo também se fizeram representar e todos foram unânimes na necessidade de tornar esta cultura em património nacional.

A autarca de Arraiolos refere que “esta é uma edição onde nós procuramos uma vez mais alertar para a importância da salvaguarda deste património”, pelo que é “urgente e muitíssimo importante trabalhar no sentido da criação do Centro Para a Promoção e Divulgação do Tapete de Arraiolos” no sentido de “conseguir a verdadeira certificação do tapete de Arraiolos”.

Com diversas atrações e exposições promovidas pela Câmara Municipal de Arraiolos e as Casas de Tapetes de Arraiolos, entre dia 8 e 17 junho, estas iniciativas servem sobretudo para “chamar o público a vir até Arraiolos, usufruir de tudo isso, conhecer o nosso artesanato e também poderem ajudar-nos, no fundo, nesta promoção do Tapete de Arraiolos”, que aguarda o “deferimento” do seu registo no Inventário Nacional de Referências Culturais, explicou a autarca.

Em representação da Direção Regional de Cultura do Alentejo, a técnica superior Ana Cristina Pais, que vive em Arraiolos desde a primeira edição do festival, em 2003, disse à Campanário que “é claríssimo, para toda a gente no Alentejo, o reconhecimento da importância do Tapete de Arraiolos, do ponto de vista histórico, económico e patrimonial”, pelo que a estão a ser desenvolvidos esforços para que “esse reconhecimento seja nacional” e “a técnica de Arraiolos” no sentido de se defender este produto de “uma certa banalização e da cópia” ou “contrafação”.

Já João Cavaleiro, em representação da Entidade Regional do Turismo Alentejo e Ribatejo, refere que este evento é “extraordinariamente importante, porque o Tapete de Arraiolos é uma marca” e “um produto identitário”.

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Novembro 2019 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30