Redondo

Órgãos autárquicos da Junta de Freguesia de Redondo tomaram posse na passada sexta-feira (c/som e fotos)

Reportagens 16 Out. 2017

Na passada sexta-feira, dia 13 de outubro, decorreu na sede da Junta de Freguesia de Redondo, a cerimónia de tomada de posse dos membros do Executivo e da Assembleia de Freguesia de Redondo, eleitos no ato realizado no passado dia 1 de outubro de 2017.

No referido ato eleitoral, a coligação PPD/PSD-CDS/PP, obteve 35,83% dos votos para a Assembleia de Freguesia, com 1.116 votos. No presento ato autárquico, não foi eleito para a mesa nenhum elemento da candidatura do MICRE, que em 2013 obtivera maioria absoluta (54,17% - 1.617 votos).

Para o Executivo, o ato eleitoral de 1 de outubro resultou na eleição de:

Presidente do Executivo - José Carlos Ramalhinho Cidade, do PPD/PSD-CDS/PP;

Vogal - Miguel Francisco Ribeiro Leal, da CDU;

Vogal - Paulo Alexandre Fernandes Completo, do PS.

Relativamente à Assembleia de Freguesia, do ato eleitoral resultou:

Presidente da Assembleia de Freguesia - António Carlos Jeremias Curado, do PPD/PSD-CDS/PP;

1ª Secretária - Vânia Sofia Calado Valverde Siquenique, da CDU, para 1ª Secretária;

2º Secretário - Gonçalo Manuel Reto Freira, do PS.

Em declarações à Rádio Campanário, presente na cerimónia de tomada de posse, José Carlos Ramalhinho Cidade, eleito Presidente do Executivo, diz que “o povo quis uma mudança”, tendo confiado em si, na equipa e no respetivo programa para tal.

Afirma desconhecer o que encontrará na Junta de Freguesia de Redondo, os projetos implementados e planeados, mas não tendo obtido maioria, encontra-se “um bocadinho dependente também dos colegas”.

Avança desde já as prioridades da sua ação encontram-se direcionadas para a atração de empresas e para a fixação de pessoas, com destaque para os jovens.

José Carlos Cidade avança a sua intenção de obter “uma freguesia dinâmica”, com a promoção de festas, viagens e do bem-estar, não limitando as suas competências à gestão dos cemitérios.

A sua atuação, desta forma, irá no sentido de “melhorar o que temos. Se está bem, vamos dar mais para ficar melhor”, conclui.

António Carlos Jeremias Curado, eleito Presidente da Assembleia de Freguesia, em declarações à Rádio Campanário, afirma que esta decisão do povo de Redondo demonstra que “é uma altura de mudança”, tendo confiado na lista do PPD/PSD-CDS/PP para a levar a cabo.

“O MICRE já estava aqui instalado há bastante tempo e o povo quer uma nova atitude”, declara.

O PPD/PSD-CDS/PP candidatou-se à presidência da Junta de Freguesia de Redondo, com o objetivo de “tornar esta junta de freguesia mais capaz, uma junta de referência”, declara, direcionando a sua ação para o apoio aos mais necessitados e carenciados.

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Outubro 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31