23.2 C
Vila Viçosa
Quarta-feira, Maio 22, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

“Acho que já sabemos o que temos de fazer, quais são as regras que nos são impostas. O problema é que já estamos habituados a isto.”, diz Ana Carvalho (c/som)

A Rádio Campanário esteve à conversa com alguns residentes da cidade de Évora e a poucas horas do novo ano 2022, a jornalista Ana Carvalho revelou qual vai ser o seu destino de passagem de ano.

 

A jornalista começou por fazer uma retrospetiva deste ano 2021 “Contrariamente ao que era suposto não adiantou muito do ano 2020. Acho que toda a gente tinha muita expetativa, mas acabou por ser um 2020 + 1”.

 

A poucas horas para as doze badaladas, Ana refere o seu destino de passagem de ano “vamos só os dois para Monte Gordo, sem grandes festividades e ajuntamentos”, acrescentado que irão realizar testes para Covid-19 “já fizemos no natal para estarmos com os nossos familiares mais velhos, por isso sim, sem duvida, se tivermos hipótese é isso que vamos fazer”.

 

Com mais um ano de restrições, Ana confessa continuar a ter todos os cuidados necessários para um novo ano seguro “acho que já sabemos o que temos de fazer, quais são as regras que nos são impostas. O problema é que já estamos habituados a isto. Já todos mudamos o ship e estamos a ter todos os cuidados necessários”.

 

A jornalista assume que este ano não será muito diferente dos anteriores, apesar do vírus. A única diferença, é reduzir no número de pessoas “optamos sempre por passar o ano em casa. Não vamos muito para festas e discotecas, gostamos é de estar em casa com os amigos. Vamos estar em casa, desta vez sem os amigos”.

 

Ainda assim, Ana expressa a falta de um ano normal, quando a liberdade de estar com pessoas se fazia sentir “estar com as pessoas sem pensar se posso ou não vir a estar infetada, se posso ou não infetar outra pessoa. Sinto falta da tranquilidade que tínhamos, da liberdade”.

Populares