16.5 C
Vila Viçosa
Quinta-feira, Julho 18, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

“As Santas Casas representam o amor ao próximo”: Deputada Sónia Ramos nos 500 Anos da Misericórdia de Borba.

  A Deputada Sónia Ramos, do PSD, celebrou hoje os 500 anos da Santa Casa da Misericórdia de Borba, destacando a importância da solidariedade como um pilar fundamental da sociedade.

A Deputada marcou presença, parabenizou a instituição e sublinhou a relevância histórica das Santas Casas da Misericórdia e o seu papel contínuo na promoção do amor ao próximo. “São cinco séculos e é a demonstração de que afinal há esperança para todos nós, que a solidariedade pode ser um pilar da sociedade ocidental “, disse.

A deputada destacou o exemplo de humanidade que as Santas Casas representam. “As Santas Casas da Misericórdia representam isso, o amor ao próximo e o dizer presente quando é necessário deixarmos o nosso egoísmo e muitas vezes o nosso conforto para trabalhar para os outros”, afirmou, acrescentando que “é esse exemplo de humanidade que as Santas Casas representam”.

“Infelizmente, no nosso distrito há várias, não direi com tanto, mas com vários séculos e muitas décadas e, são sempre uma inspiração para todos nós e que tenho a certeza de que no caso da Santa Casa de Borba continuará o seu percurso, o seu trabalho, a sua humanização e, portanto, fará muitos outros séculos, seguramente.”, disse a deputada.

Questionada sobre as mensagens dirigidas aos representantes na Assembleia da República, a deputada reconheceu as dificuldades enfrentadas por algumas Santas Casas da Misericórdia. “Bem, sobretudo eu acho que foram vários momentos de reflexão que hoje podemos aqui assistir e naturalmente que há recados para os políticos, mas há recados para a comunidade, há recados para todos nós, para o poder local, para as outras instituições e, portanto, isso é absolutamente normal”, explicou a deputada.

Sónia Ramos elogiou a sensibilidade do novo Governo em questões sociais e destacou a importância do apoio às creches. “Hoje mesmo, do que percebi, a Senhora Secretária de Estado está reunida, pelo menos, com um dos parceiros da União das Misericórdias e, portanto, com pouco mais de dois meses, o novo Governo tem tido uma sensibilidade e quero aqui realçar também a questão das creches e da possibilidade de nós podermos deixar o nosso filho numa instituição privada, se é essa que está ali à porta, isto era uma questão importante”, afirmou.

A deputada concluiu reafirmando o compromisso de continuar a apoiar as Santas Casas da Misericórdia. “Dizer-lhe que nós todos os dias trabalhamos. Como eu julgo que tive a oportunidade de dizer, é evidente que há sempre problemas, há sempre constrangimentos, o dinheiro nunca chega neste tipo de instituições, porque as solicitações são imensas, o apoio social é mesmo assim, mas eu creio que com a boa vontade de todos, mas também naturalmente com a boa vontade política, nós vamos conseguir continuar este grande legado que está associado à nossa história e que são as Santas Casas da Misericórdia”, disse.

“E isso é um bom cartão de visita para o povo português, para a sua humanidade e do seu respeito pelo próximo. E eu acho que sobretudo é isso que nós hoje temos que realçar aqui neste local”, concluiu a deputada Sónia Ramos.

Populares