23.7 C
Vila Viçosa
Segunda-feira, Julho 15, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Beja é a última paragem da 2.ª edição do Festival Futurama!

Depois de ocupar Mértola e Castro Verde, o Futurama prepara-se para receber, no coração do Alentejo, as excitantes propostas artísticas de Ana Borralho & João Galante, Clara Andermatt, Embaixadores Futurama com Gustavo Ciríaco, Jacira da Conceição, Roxana Ionesco, Rui Catalão e Trypas Corassão.

O projecto Cantexto apresenta-se mais uma vez no festival com as palavras de sete escritores portugueses contemporâneos a serem entoadas por sete grupos de cante alentejano.

A 2.ª edição do Festival Futurama chega ao fim já esta semana, em Beja, depois de ter deixado rasto e boas memórias em Mértola e em Castro Verde. Esta sexta-feira e sábado (dias 16 e 17 de Junho, respectivamente), prepara-se para, num forte compromisso com a diversidade e a representatividade, apresentar “uma programação estreitamente conectada com o território local, num diálogo com diferentes comunidades”, como explica o director John Romão.

A 16 de Junho, fruto de uma união entre a educação e a criação artística, a dupla Ana Borralho & João Galante estreia com estudantes de uma turma da Escola Secundária Diogo de Gouveia a performance/instalação duracional “Mundos Interiores”, cujos processos foram desenvolvidos ao longo do ano e partilhados com o público no âmbito do Futurama.

Ainda com o corpo enquanto motor para a criação, a bailarina e coreógrafa Clara Andermatt convida adolescentes residentes no Bairro das Pedreiras a participar num workshop de dança para, em conjunto, conceberem uma coreografia que incorpore diversas linguagens, vontades e energias.

No mesmo dia, a ceramista, escultora e artista visual cabo-verdiana Jacira da Conceição mostra “Insularidade”, uma instalação e performance que celebra a ousadia de se viver em liberdade e em plenitude, reflectindo sobre as desigualdades raciais, de género, e entre o sul e o norte, na Igreja de Santo Amaro / Núcleo Visigótico (este momento repete-se no dia seguinte).

Para sábado, está reservada mais uma intervenção dos Embaixadores Futurama, dirigidos pelo seu parceiro de ideias, o performer e artista multidisciplinar brasileiro Gustavo Ciríaco. No Jardim Público de Beja, organizam um Concurso de Talentos que incentiva crianças, jovens, adultos e idosos do Baixo Alentejo a partilhar com o público as suas vocações e sensibilidades. Ao final do dia, na Santa Casa da Misericórdia, o dramaturgo e encenador Rui Catalão partilha a sua nova criação, “Mal de Ulisses”, em primeira mão no festival, e Roxana Ionesco apresenta a performance “Morte às Fantasmas”.

A edição de 2023 do Futurama termina com os concertos do projecto Cantexto – 7 grupos de cante alentejano (Rosinhas do Loredo, Cantadores de Beringel, Ceifeiras de Pias, Grupo Coral e Etnográfico de Vila Nova de São Bento, Cardadores da Sete, Grupo Coral da Mina de S. Domingos e Grupo Coral da Vidigueira) interpretam os textos encomendados a 7 autores portugueses contemporâneos (Joana Bértholo, Richard Zimler, Regina Guimarães, Ondjaki, Isabela Figueiredo, Afonso Cruz e Marta Pais de Oliveira), através de melodias compostas por Ana Santos, Celina da Piedade e Paulo Ribeiro – e da dupla brasileira Trypas Corassão, composta por Tita Maravilha e Cigarra, que, com o seu “pout pourri funk alucinação”, vão fazer o Jardim Público de Beja tremer ao som do melhor da música queer experimental do Sul global.

Todas as actividades têm entrada livre com contribuição voluntária, de forma a tornar a programação o mais acessível e inclusiva possível. O Futurama – Ecossistema Cultural e Artístico do Baixo Alentejo é financiado pela Direção Geral das Artes/Ministério da Cultura da República Portuguesa, Câmara Municipal de Beja, Câmara Municipal de Castro Verde e Câmara Municipal de Mértola, o apoio estratégico da Fundação Millennium BCP e com alto patrocínio da Presidência da República.

Conta com as parcerias do Museu Regional Rainha D. Leonor/Direção Regional de Cultura do Alentejo, Santa Casa da Misericórdia de Beja, Instituto Politécnico de Beja, O Espaço do Tempo, Agrupamento de Escolas Nº1 de Beja, e Agrupamento de Escolas de Castro Verde. A 2.ª edição do Festival Futurama já decorreu em dois municípios da sub-região do Baixo Alentejo: Mértola (3 de Junho) e Castro Verde (9 e 10 de Junho). Nos dias 16 e 17 de Junho, despede-se com criações, das artes performativas e visuais à música, que desafiam criativamente o território, para “construir novas memórias”, como sublinha John Romão.

Populares