13.7 C
Vila Viçosa
Quarta-feira, Junho 19, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Empresas alertam: “Portagem” de comboios em Sines podem pôr mais 60 mil camiões na estrada

A Associação Portuguesa das Empresas Ferroviárias  alertou esta quarta-feira para o risco da introdução de uma “portagem” a cada comboio que entra no porto de Sines poder resultar “em mais 50 a 60 mil camiões na estrada por ano”.

A informação é avançada pelo Jornal de Negócios. O responsável pela Associação parte do pressuposto de que, se a APS , nos cálculos para o novo valor – 95,5 euros por comboio – considera uma taxa de utilização de 60% do transporte ferroviário atual,  alertando que isso pode significar que o porto de Sines está a considerar que vai perder 40%  do transporte ferroviário, ou seja, perder 2.200 a 2.200  comboios “one way” para a rodovia.

Recorde-se que em questão está a introdução de uma taxa a cobrar às empresas de transporte ferroviário de mercadorias.

O valor inicialmente avançado foi de 158 euros, no entanto oa Administração do porto de Sines avançou depois para uma redução deste valor , passando para os 95,50 euros.

Pode ler também Porto de Sines revê e baixa valor de portagem a cobrar aos comboios de mercadorias

Populares