25.4 C
Vila Viçosa
Sábado, Abril 20, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Évora garante mais de 1M€ do PRR : Aprovada candidatura do Bairro Comercial Digital

O consórcio liderado pela Câmara Municipal de Évora, em conjunto com a Associação Comercial do Distrito de Évora (ACDE) e a Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP), viu aprovada a candidatura ao projeto Bairros Comerciais Digitais.

O objetivo do projeto é apoiar a criação destes Bairros através de financiamento, no sentido de promover a coesão territorial destes espaços através da sua digitalização, incluindo a sua harmonização urbanística e conectividade.

A candidatura de Évora foi aprovada com uma avaliação de mérito de 3,6 pontos e contempla um investimento total de 1.411.032,88€ , com comparticipação de 1.145.499,86€.

De acordo com a informação da Autarquia Eborense, através do Bairro Comercial Digital de Évora pretende-se, por exemplo, melhorar a experiência de consumo pela integração de soluções digitais, bem como alavancar digitalmente os modelos de negócio, aumentar as competências digitais dos trabalhadores deste setor e estimular o empreendedorismo de base digital nas áreas do comércio e dos serviços.

A área de intervenção do projeto será o Centro Histórico, considerando que “o estatuto de “Património Mundial” lhe confere uma “distinção simbólica” suscetível de “atrair muitos visitantes” e justificar uma “aposta no desenvolvimento do turismo”, com destaque para o segmento do turismo cultural.”

O projeto vai ser apresentado públicamente no Paládio de D. Manuel, na próxima segunda-feira, dia 4 de março, pelas 10h00, Contando com a presença de várias entidades , entre elas  o presidente da Câmara Municipal de Évora, Carlos Pinto de Sá, o presidente da direção da ACDE, Gaudêncio Cabral e o vice-presidente da AHRESP e presidente da delegação do Alentejo da AHRESP, João Cavaleiro Ferreira.

De referir que entre 160 candidaturas, o Bairro Comercial Digital de Évora foi uma das propostas aprovadas, garantindo o acesso à apresentação as propostas finais para desenvolvimento de projetos no âmbito desta medida, sendo selecionadas as propostas que melhor contribuem para a dinamização dos setores do comércio e dos serviços.

O Projeto dos Bairros Comerciais Digitais insere-se no Programa Comércio Digital, contemplado na área , uma das que têm, maior expressão no Plano de Recuperação e Resiliência.

Com a dotação disponível, pretende-se incentivar e promover a digitalização da economia, através da adoção tecnológica por parte dos operadores económicos e pela digitalização dos seus modelos de negócio, sustentada na modernização dos modelos de gestão territorialmente entendidos.

Populares