14.8 C
Vila Viçosa
Quinta-feira, Abril 18, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Évora reflete através da arte sobre a situação dos Sem Abrigo

A equipa do projeto IN-Visibilidade, que desde janeiro de 2022 já “acolheu” 142 Pessoas em Situação de Sem Abrigo em Évora , propôs um desafio ao Agrupamento de Escolas Gabriel Pereira, por entender a arte como forte veículo de expressão cultural e artística e também de chamada de atenção para estas realidades sociais.

No âmbito deste desafio decorreram diversas sessões de sensibilização sobre a temática junto de várias turmas dos diferentes ciclos de ensino, 1.º, 2.º e 3.º ciclo do Ensino Básico e Ensino Secundário, num total aproximado de 250 alunas/os.

Procedeu-se também à pintura de cinco murais pela artista Rita Ravasco, os quais podem ser vistos, na Escola Gabriel Pereira, na Escola Primária da Comenda, Escola Básica André de Resende, sede da Junta de Freguesia de Nª Sª da Saúde, e antigo Lar dos Pinheiros – onde será instalado o futuro CAT (Centro de Alojamento Temporário) para pessoas em situação de sem abrigo, previsto para o ano 2024. A candidatura ao PRR já foi aprovada e está em curso a preparação para o arranque do concurso para a referida empreitada.

Esta iniciativa enquadrou-se no âmbito da AT|3-Comunidade, Combate ao Estigma – Projeto IN-Visibilidade, com o objetivo de abordar de forma sensível, mas impactante, a temática da Pessoa em Situação de Sem Abrigo.

Refira-se que o IN-Visibilidade privilegia a intervenção junto de pessoas em situação de sem abrigo no concelho de Évora e é financiado pelo Programa Operacional Alentejo 2020. A entidade coordenadora é o Centro Humanitário de Évora da Cruz Vermelha Portuguesa, sendo a Pão e Paz – Associação Solidariedade Social e a Santa Casa da Misericórdia de Évora as entidades parceiras executoras.

Fonte/Foto: Município de Évora

Populares