25.4 C
Vila Viçosa
Sábado, Abril 20, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Évora: “Temos poucas ofertas de trabalho para Turismo; é preciso aproximar IEFP e empresas do setor” diz Delegado Regional do IEFP(c/som)

56 empresas estiveram hoje presentes na primeira Feira de Emprego do Alentejo, que decorreu na Arena de Évora, para impulsionar oportunidades laborais nos setores da hotelaria, restauração, turismo e áreas correlacionadas.

Organizada em parceria pela Associação Fórum Turismo e a Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo, a iniciativa contou ainda com o apoio do Instituto do Emprego e Formação Profissional(IEFP), parceiro imprescindível tendo em conta o número de desempregados mobilizados para esta Bolsa de Empregabilidade.

Arnaldo Frade, Delegado Regional do Alentejo do Instituto de Emprego e Formação Profissional, em declarações à Rádio Campanário falou sobre a importância deste evento na região Alentejo destacando “nós temos uma bolsa de turismo e das outras atividades a funcionar em permanência, que são os serviços de emprego, abertos todos os dias”. Ainda assim, sublinha a importância desta Feira pelo facto de “momentos como estes criarem encontros entre as entidades que precisam de preencher postos de trabalho e as pessoas que precisam de uma ocupação.”

Arnaldo Frade destaca que na área do turismo “existem poucas ofertas de trabalho registadas no IEFP” o que considera ser uma contradição com os números de crescimento que o setor regista mês após mês o que poderá significar que é necessária “uma aproximação maior entre as empresas deste setor e o IEFP.”

De acordo com a sua experiência, até porque o IEFP é presença assídua nas Bolsas de Empregabilidade, “este tipo de iniciativas acabam por dar frutos” refere o Delegado Regional salientando que “resulta entre as empresas e as pessoas e ao mesmo tempo, entre ambas e o Instituto do Emprego e Formação Profissional.”

Arnaldo Frade destaca por último que momentos como este permite “um contacto permanente entre muitas pessoas ao mesmo tempo e isso faz toda a diferença.”

“Ter esta Feira em Évora e ver esta Arena cheia, é de facto, um factor de regozijo” conclui.

A participação do Instituto de Emprego e Formação Profissional nesta Bolsa de Empregabilidade teve como objetivo principal facilitar a procura por parte de pessoas que estejam desempregadas e de ativos que procurem uma outra função.

Populares