13.2 C
Vila Viçosa
Sábado, Maio 25, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

“Liga-nos o Talento”: Missão Cumprida em Évora. Associação de Futebol recebeu  apoio material e económico 

Na estrada desde 4 de novembro para celebrar as raízes do futebol, o projeto Liga-nos o Talento, uma iniciativa da Fundação do Futebol – Liga Portugal, com o apoio institucional da Missão Continente completou, esta quinta-feira, em Évora, um roteiro agregador que levou apoio material, económico e uma mensagem de reconhecimento às 22 Associações Distritais e Regionais (ADR) pelo trabalho levado a cabo, diariamente, junto das respetivas comunidades, com impacto positivo na vida de milhares de atletas.

A entrega de 20 bolas oficiais Puma e de um cheque no valor de dois mil euros a António Pereira, presidente da Associação de Futebol de Évora, teve lugar na loja Continente Évora.

Helena Pires e Rui Caeiro, CEO e diretor executivo da Liga Portugal, respetivamente, Alexandre Varela, vice-presidente da Câmara Municipal de Évora, e Francisco Picado, diretor de loja no Continente Évora, também marcaram presença nesta 22ª e “última etapa” de um projeto que começou no interior Norte e percorreu todo o território.

Em Évora, Nuno Gomes começou por “agradecer a toda a equipa da Liga pelo trabalho que permitiu pôr em prática” o Liga-nos o Talento. “Este é um projeto que a mim, particularmente, me diz muito, porque nós sabemos que o futebol profissional é alimentado pelo futebol amador, pelas associações, pelos clubes regionais. Este projeto visa apoiar as associações, que, por sua vez, vão dar melhores condições aos atletas que vão, no futuro, alimentar o futebol profissional. A Liga está a mostrar que está atenta ao futebol amador e a ajudar as associações para estas, cada vez mais terem melhores condições para produzir esse talento que há muito é reconhecido ao futebol português.”

António Pereira, presidente da Associação de Futebol de Évora, elogiou a natureza do Liga-nos o Talento: “É uma lembrança da Liga e da Fundação para com aqueles que fazem dar os primeiros passos aos jogadores de futebol. Nós precisamos dessa ajuda para conseguirmos ser um bocadinho melhores e, todos unidos, conseguimos chegar lá. Nós fazemos o nosso trabalho de base e os outros fazem o trabalho num outro patamar, mas todos somos importantes no processo de desenvolvimento dos atletas ao nível nacional. Por isso, o meu obrigado por se terem lembrado deste projeto e da AF Évora, eternamente agradecida pelo que a Liga tem feito, ao longo dos últimos tempos, em prol das associações.”

Por último, Alexandre Varela, vice-presidente da Câmara Municipal de Évora, gostou de testemunhar este contributo positivo: “Tendo em conta a visibilidade que o futebol tem no mundo e, em particular, em Portugal, todos estes projetos com as comunidades são muito relevantes, porque estamos a aproximar um fenómeno de massas à formação de pessoas e também a um mundo de expectativas e de fantasia que é partilhado por crianças e adultos. Iniciativas como esta são também importantes para trazer as pessoas de encontro ao futebol e mostrar a parte positiva.”

Populares