27.6 C
Vila Viçosa
Sábado, Abril 13, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Mov. Cuidar de Évora retira confiança política a eleita e deixa de estar representado na União de Freg.de Évora!

O Movimento Cuidar de Évora – MCE informa que em setembro de 2022 decidiu, por unanimidade, retirar a confiança política à primeira candidata eleita pelo MCE à União de Freguesias de Évora, Isabel Margarida de Carvalho Rosado Saianda, conforme refere o Movimento num comunicado enviado à nossa redação.

A informação, pode ler-se no comunicado  “é tornada publica, agora, uma vez que a Assembleia de Freguesia só reuniu ontem, dia 29 de dezembro de 2022, órgão autárquico para o qual a candidata pelo MCE foi eleita, sendo esse o fórum institucional que deveria ser informado em primeira instância.”

Embora só agora, seja tornado publico, a situação já se arrasta desde setembro, pelo que todos os atos realizados, desde então, não podem ser conotados com o MCE, uma vez que a visada estava ao corrente da situação.

A partir deste momento o MCE deixa de estar representado na União de Freguesias de Évora, uma vez que a candidata recusou renunciar ao cargo na Assembleia da União de Freguesias, aludindo à lei que lhe confere esse direito, tendo passado a representar-se a si própria na Assembleia de Freguesia.

A candidata eleita afastou-se do projeto do MCE – Movimento Cuidar de Évora,  refere o memso comunicado “ao não cumprir uma das funções primordiais dos mandatos políticos que é a representação do projeto político que a elegeu, afirmando não se rever no projeto e na sua liderança. Este afastamento consubstanciou-se após ter sido nomeada Presidente da Associação de Moradores e Amigos do Centro Histórico, criada pelo MCE, e de ter sido indicada pelo MCE para essas funções, por dois anos, não tido sido sujeita a eleições entre os associados.”

Aos munícipes do Centro Histórico, o Movimento garante que  ” continuará a defender os interesses públicos da freguesia e dos seus cidadãos.”

Populares