32.9 C
Vila Viçosa
Terça-feira, Julho 23, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

“No dia de S. Martinho vai à adega e prova o vinho”…Herdade do Rocim põe vinho da talha na boca do mundo

Diz o velho ditado que “em dia de S. Martinho vai à Adega e prova o vinho.” Dia 11 de novembro, na Herdade do Rocim, em Cuba, abrem-se as talhas, cumprindo a tradição secular da região e da própria Herdade que desde 2018 celebra o Vinho de Talha, com o Amphora Wine Day.

Para a edição deste ano esperam-senNomes sonantes do panorama internacional do setor, bem como o maior número de sempre de produtores de todo o mundo , fazem desta edição a mais global de todas: além de Mark Squires, que até há pouco era o provador de vinhos de Portugal para o incontornável Robert Parker, outros críticos de vinhos internacionais, uns novos, outros já habituais, mais de duas dezenas de produtores de todo o mundo (a par com 36 portugueses), trazem a esta iniciativa, uma abordagem ainda mais internacional aos vinhos de ânfora, colocando-os na mira dos consumidores em todo o mundo.

As provas com estes gurus ou a segunda edição das Amphora Wine Talks, com inscrição obrigatória, que contam com a participação de Tiago Macena, em vias de ser o primeiro português a obter o título de Master of Wine, fazem desta edição do Amphora Wine Day “das mais desafiantes de sempre”, como adianta Pedro Ribeiro, administrador e enólogo da Herdade do Rocim.

Às 18h00, como manda tradição, abrem-se as talhas!

“No final de cada edição já estamos a pensar na seguinte e como o sucesso tem vindo a ser crescente, a exigência e a responsabilidade aumentam, mas ao mesmo tempo dão-nos notoriedade e músculo para trazer mais valias para a promoção do vinho de ânfora. Foi o que conseguimos! Esta edição consegue juntar alguns dos melhores profissionais do mundo do vinho, prescritores de tendências, que vão provar vinhos de vários produtores nacionais que têm vinhos de ânfora nos seus portefólios. Ao mesmo tempo, levam com eles toda a experiência que é a celebração dos vinhos de talha no Alentejo, como a gastronomia e o cante alentejano associados a este Amphora Wine Day. Confesso que estou com uma expetativa muito elevada para esta edição, que também é uma montra para os vinhos portugueses e para o nosso turismo”, sublinha Pedro Ribeiro.

“Este evento nunca foi uma ação da Herdade do Rocim, mas sim uma celebração do vinho de talha de todo o Alentejo e por isso juntamos sempre todos aqueles que têm prazer em fazer vinhos de ânfora”, remata.

O AMPHORA WINE DAY é um evento criado e promovido pela Herdade do Rocim em 2018, recebe em média, em cada edição, cinco dezenas de produtores, e mais de mil visitantes, que assinala uma tradição com mais de 2 mil anos, num vinho que ambiciona ser património imaterial da Humanidade pela UNESCO. Este ano, são 22 os produtores que chegam de todo o mundo, com destaque para a presença massiva da Geórgia, e 36 produtores nacionais.

Populares