18.7 C
Vila Viçosa
Quinta-feira, Maio 30, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

No distrito de Évora, só três concelhos subiram no número de desempregados em julho. Conheça a realidade de todos os concelhos do distrito (c/tabela)

Depois da subida sucessiva do número de desempregados nos últimos meses no Alentejo, no final do mês de junho, a maioria dos concelhos do distrito de Évora registaram uma subida na empregabilidade, o mesmo acontecendo no mês de julho.

O Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) voltou a dar a conhecer os dados acerca da realidade dos concelhos portugueses no que diz respeito ao desemprego registado segundo o género, tempo de inscrição e situação face à procura de emprego.

Segundo os dados disponibilizados pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) no distrito de Évora, no final do mês de julho, o desemprego desceu em todos os concelhos do distrito de Évora, com exceção de Montemor-o-Novo, Redondo e Vila Viçosa.

 Analisando os dados avançados pelo IEFP, o concelho de Évora volta a estar em primeiro lugar com 2475 desempregados, registando menos 180, que no mês de junho (1194 homens e 1281 mulheres), sendo que 1369 estão inscritos há um ano e 1106 há mais de um ano.

No fundo da tabela com menos população desempregada, continua a estar o concelho de Mora com 130 desempregados, (menos 9) sendo 61 homens e 69 mulheres, dos quais 10 estão à procura do primeiro emprego e 120 desejam um novo emprego.

Na zona dos mármores encontramos Estremoz no topo da tabela com 570 desempregados, menos 29 (264 homens e 306 mulheres), 81 à procura do primeiro emprego e 489 procuram novo emprego.

De seguida surge Vila Viçosa com 371, mais 3 (173 homens e 198 mulheres), 29 que desejam entrar no mercado do trabalho e 342 querem nova função. Borba tem 358 desempregados, tinha 363 no mês transato (172 homens e 186 mulheres). São 44 à procura do primeiro emprego e 314 que desejam um novo emprego. Alandroal com 216 desempregados, menos 41 (108 homens e 108 mulheres), 13 à procura do primeiro emprego e 203 querem novo emprego.

No Alentejo em 31 de julho havia 22 990 desempregados (menos 1 439), sendo 10 769 homens, 12 221 mulheres, 2 595 à procura do primeiro emprego e 20 395 desejam um emprego novo.  

No quadro em anexo, conheça os dados relativos aos 14 concelhos do distrito de Évora:  

 

Concelho

Género

 

Tempo

Inscrição

Situação

 

 

 

Homens

Mulheres

1 Ano

+ 1 Ano

1º Emprego

Novo Emprego

Total

Alandroal

108

108

124

92

13

203

216

Arraiolos

136

126

135

127

17

245

262

Borba

172

186

187

171

44

314

358

Estremoz

264

306

256

314

81

489

570

Évora

1194

1281

1369

1106

273

2202

2475

Montemor-o-Novo

259

285

332

212

57

487

544

Mora

61

69

68

62

10

120

130

Mourão

104

136

104

136

47

193

240

Portel

125

188

187

126

27

286

313

Redondo

171

231

241

161

28

374

402

Reguengos Monsaraz

314

345

335

324

68

591

659

Vendas Novas

152

158

193

117

30

280

310

Viana do Alentejo

87

127

114

100

36

178

214

Vila Viçosa

173

198

173

198

29

342

371

 

 

 

Populares