21.6 C
Vila Viçosa
Terça-feira, Junho 18, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Piloto que matou homem com uma “Katana”em Montemor-o-Novo mantém-se em prisão preventiva

O Tribunal da Relação de Évora decidiu manter a prisão preventiva para o Piloto de Aviões, que foi detido em agosto deste ano , suspeito de matar com golpes de uma espada de samurai (‘katana’), um homem de 40 anos, na Quinta Alada, em Montemor-o-Novo, segundo informação hoje avançada pelo Correio da Manhã

A prisão preventiva, medida de coação mais gravosa, foi-lhe aplicada a 31 de agosto pelo Tribunal de Évora.

Ciúmes podem ter sido o que levou Pedro Gonçalves, piloto de aviões, de 48 anos, a cometer o crime de homicídio sobre um homem,  com recurso a uma catana e num contexto de grande violência. A vitíma, tinha 45 anos, sofreu golpes no tronco e membros inferiores e foi-lhe mesmo cortada uma mão, e deixada a cinco metros do corpo, que estava semi-nu da cintura para baixo.

O suspeito acabou por ser detido pela GNR no local, um complexo dedicado a retiros espirituais.

Pode ler também Piloto de aviões que matou por ciúmes em Montemor-o-Novo em prisão preventiva

Foto: Correio da Manhã

Populares