13.9 C
Vila Viçosa
Segunda-feira, Abril 22, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Preservação e Divulgação do Terreiro da Batalha de Atoleiros em Fronteira salvaguardada através de Protocolo

O Município de Fronteira, a Direção Regional da Cultura do Alentejo, e a Fundação Batalha de Aljubarrota celebraram recentemente um Protocolo de Cooperação para a Preservação e Divulgação do Terreiro da Batalha de Atoleiros.

O Protocolo tem como objetivo, em conjunto por estas entidades, assegurar a preservação, reabilitação e divulgação os principais factos relacionados com este período da História de Portugal. Este protocolo pretende ainda criar condições para potenciar o aumento de visitantes do Centro de Interpretação da Batalha de Atoleiros, que passará assim a contar com a possibilidade de visitar o local onde decorreu o confronto bélico. Será, nesse sentido, desenvolvido um percurso visitável com conteúdos explicativos no Terreiro da Batalha de Atoleiros.

Recorde-se que o “Terreiro da Batalha de Atoleiros” foi classificado como Monumento Nacional em Fevereiro deste ano.

Históricamente esta é uma das batalhas com relevância histórica para o País. A Batalha de Atoleiros decorreu em 6 de abril de 1384, veio reforçar as pretensões do Mestre de Avis e confirmou a genialidade de Nuno Álvares Pereira enquanto líder e estratega militar na defesa da independência portuguesa. A importância da data é relembrada anualmente pelo Município de Fronteira, configurando o seu feriado municipal, e pelo Exército Português.

A cerimónia teve lugar no Centro de Interpretação da Batalha de Atoleiros, em Fronteira, e estiveram presentes, em representação do Município de Fronteira, o Presidente da Câmara Municipal, Dr. Rogério Silva, em representação da Fundação Batalha de Aljubarrota o Presidente do Conselho de Administração, o Dr. António Ramalho, bem como o Administrador Dr. José Pereira Fernandes, e em representação da Direção Regional da Cultura do Alentejo a Senhora Diretora, a Dra. Ana Paula Amendoeira.

Populares