8.7 C
Vila Viçosa
Domingo, Fevereiro 25, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Reconhecimentos e homenagens marcaram Dia do Politécnico de Portalegre

Este ano, as comemorações do Dia do Politécnico de Portalegre realizaram-se a 27 de novembro.

A cerimónia comemorativa, no Campus, culminou com a outorga do título honorífico de Professor Emérito ao anterior presidente do Politécnico de Portalegre, Prof. Albano Silva. Com caráter de surpresa, o momento ficou marcado pela subida ao palco das suas netas, depois de ter sido projetada uma apresentação de fotografias, que complementou a nota biográfica do visado.

O título de Professor Emérito é atribuído, após parecer favorável do Conselho Académico e a aprovação do presidente do Politécnico, “a professor aposentado que se distinguiu nas suas atividades académicas”.

A primeira atividade do dia aconteceu na Escola Superior de Educação e Ciências Sociais. Ladeado pela Presidência do Politécnico e pela Direção da ESECS, o Professor Abílio Amiguinho descerrou a placa com o seu nome, que passa a designar o auditório da Escola onde lecionou durante 36 anos e da qual foi presidente do Conselho Diretivo. A comunidade académica não quis deixar de comparecer para testemunhar esta homenagem e mostrar o seu apreço.

Também os trabalhadores aposentados este ano e os que cumpriram 25 anos ao serviço da instituição foram homenageados, no decorrer da sessão comemorativa.

Num dia que é “de todos, para todos”, os feitos dos Alumni mereceram destaque, em particular o desempenho profissional de dois antigos estudantes de Design de Comunicação e Técnicas Gráficas. Deu-se a conhecer que Rui Silva recebeu a medalha de prata dos prémios Meios e Publicidade, pela direção de arte do genérico da telenovela da SIC “Flor Sem Tempo”. Sobre Renato Marques soube-se a notícia de que integra a equipa nomeada a Emmy Award, pela colaboração no projeto da série “For All Mankind”, desenvolvido para a Apple TV.

Na ocasião, foi lembrado que os órgãos científicos e pedagógicos da ESTG decidiram sugerir a inclusão do “design” na designação da Escola, dada a relevância do trabalho desta área, ao longo dos anos. Assim sendo, passará a designar-se “Escola Superior de Tecnologia, Gestão e Design”, após a formalização das necessárias alterações.

A sessão comemorativa teve início com a projeção de três curtas-metragens de animação – “Ciclo de Mori”, de Gunter Gomes, Tris Grave e Érica Fitas; “Arquipélago das Vogais”, de João Carvalho e Gabriel Heleno e “Voa Voa Andorinha”, de Carolina Cardoso e Mafalda Cruz – trabalhos realizados no âmbito do curso de Design de Animação.

A entrega dos prémios aos melhores alunos, assim como do prémio Alumni e dos prémios Colaborador, que tradicionalmente decorre durante as comemorações do Dia do Politécnico, passará a realizar-se em cerimónia própria, tendo-se anunciado que tal acontecerá a 1 de março de 2024.

A lição de sapiência proferida pelo Professor António Sampaio da Nóvoa incidiu sobre o novo contrato social para a educação, defendido pela UNESCO, tendo o antigo reitor da Universidade de Lisboa dissertado sobre o tempo e a diferença do ensino superior.

As intervenções institucionais estiveram a cargo do presidente do Conselho Geral, Eng.º Hugo Hilário; da representante dos estudantes, aluna Bárbara Cotovio; do presidente do Politécnico de Portalegre, Professor Luís Loures, e da presidente do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos, Professora Maria José Fernandes.

Outro tipo de saber foi apresentado à comunidade académica, no final da manhã da jornada comemorativa… a nova tisana “Saber by Politécnico de Portalegre”, que resulta da colaboração com a empresa Da Avó e conjuga três plantas recolhidas na Serra de São Mamede (alecrim, perpétua-roxa e erva príncipe).

No programa de comemorações do 43º aniversário do Politécnico, a cultura não foi esquecida.

O quinteto de sopros Euterpe Five animou a sessão comemorativa.

Apresentou-se a coleção de cerâmica “Bailarinas – Portalegre e os seus símbolos”, produzida para o Politécnico de Portalegre pela ceramista Maria João Sampaio, tendo o novo professor emérito sido o destinatário da primeira peça, que alude às Tapeçarias de Portalegre.

O antigo aluno Nuno Ezequiel, diplomado do curso de Professores do 2º Ciclo do Ensino Básico, variante de Educação Visual e Tecnológica, expõe uma mostra dos seus trabalhos nos Serviços Centrais. Coorganizada com o Atelier das Artes de Portalegre, esta exposição intitulada “Saudade” pode ser vista até 12 de dezembro.

Populares