18.7 C
Vila Viçosa
Quinta-feira, Maio 30, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Teatro Garcia de Resende em Évora comemora 130 anos com espetáculo

Os vários espaços do centenário Teatro Garcia de Resende, em Évora, vão estar de portas abertas e servir de palco, de quarta a sexta-feira, para o espetáculo comemorativo dos 130 anos de existência do edifício.

“Todos os espaços que habitualmente não são visitados pelo público vão ser habitados por artistas da cidade, instalações e vídeos com memórias do teatro e personagens que passaram por cá”, revelou hoje à agência Lusa o ator, encenador e músico Rui Rebelo.

Promovido pelo Centro Dramático de Évora (Cendrev), a companhia residente do espaço, o espetáculo multidisciplinar, intitulado “O teatro é da cidade”, tem direção artística de Rui Rebelo, Rafaela Covas e Raquel Oliveira.

Com a participação de cerca de 40 pessoas, entre atores, músicos, técnicos e até voluntários, salientou Rui Rebelo, o espetáculo vai permitir ao público conhecer os vários espaços do teatro e episódios que marcaram a sua história.

“Mais do que um espetáculo, é uma comemoração” em que o teatro “abre as portas aos agentes culturais da cidade para poderem festejar e ao público para poder entrar e ver essa manifestação e ver como é funciona o teatro”, salientou.

Segundo o responsável, “O teatro é da cidade”, com início sempre às 18:30, consiste num percurso pelo edifício em haverá “pequenas apresentações” nos camarotes, plateia, camarins, palco, varanda da teia e na sala estúdio, entre outros espaços.

“Haverá personagens a passear pelo teatro que contracenam e contactam com o público”, como a “senhora da limpeza” ou os “maquinistas”, numa “espécie de animação do espaço” que lhe dá “uma vida encenada que tenta ser o mais real possível”, realçou.

Rui Rebelo contou que “cresceu” no Teatro Garcia de Resende, pois a sua mãe foi convidada por Mário Barradas, que fundou o Centro Cultural de Évora, antecessor do Cendrev, em 1975, para trabalhar como atriz.

“Não era suposto fazer um trabalho académico ou com uma dramaturgia muito complexa, mas sim algo que fosse mais familiar e mais pessoal”, acrescentou.

O Teatro Garcia de Resende, cujo edifício é propriedade da Câmara Municipal de Évora, é uma das mais importantes salas de teatro portuguesas, com uma estrutura semelhante ao Scala de Milão, em Itália.

Situado na Praça Joaquim António de Aguiar, em pleno centro histórico, o teatro foi inaugurado em 01 de junho de 1892, 11 anos depois de iniciada a sua construção, encontrando-se classificado como Imóvel de Interesse Público.

O edifício, que chegou a servir para depósito municipal de lixo, começou um longo período de renovação em 1975, com a instalação do Centro Cultural de Évora, acelerado após 1990, ano da criação do Cendrev.

C/Lusa

Populares