Arraiolos

Arraiolos lidera lista dos municípios mais eficientes na gestão de perdas de água, segundo dados da ERSAR

Regional 20 Nov. 2019

As redes de abastecimento de água apresentam perdas consideráveis desde a captação até às torneiras. No ano de 2018, a média de perda de água em Portugal continental cifou-se em 128 litros diários em cada ramal – apresentando uma melhoria face a 2017, onde a média se cifrou em 137 litros perdidos.

Segundo o Relatório Anual dos Serviços de Águas e Resíduos em Portugal, realizados pela Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR), 81 de 256 entidades gestoras apresentam um desempenho insatisfatório, correspondendo a cerca de 30%.

Macedo do Cavaleiros é a Câmara que encabeça a lista de entidades gestoras que mais água desperdiçam diariamente (538 litros de perdas por ramal), na região Alentejo, surge o município de Estremoz como a entidade gestora com mais perdas (404 litros por ramal).

Para além destes dados, o Relatório Anual dos Serviços de Águas e Resíduos em Portugal revela os dados relativos a água não faturada, ou seja, água que apesar de captada, tratada e distribuída não chega a ser cobrada aos utilizadores.

Neste caso Macedo de Cavaleiros lidera, novamente, e Estremoz surge na segunda posição. O município alentejano apresenta 75.9% não faturada.

No prato oposto da balança, entre os que revelam melhor desempenho, surge a Câmara Municipal de Arraiolos que desperdiça apenas 6 litros diariamente por cada ramal.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Julho 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31