Imprimir esta página

Evora

Criança de 9 anos recupera audição após intervenção do Hospital de Évora

Publicado em Regional 28 setembro, 2017

A equipa de Otorrinolaringologia  do Hospital de Évora colocou pela primeira vez no Alentejo, um implante osteointegrado na mastóide de uma criança de 9 anos com surdez bilateral, permitindo que passasse a ter uma audição dentro dos limites considerados normais.

Colocado a 21 de junho de 2017 com sucesso e ativado a 6 de setembro, é um implante que “permite a adaptação de uma prótese auditiva, especialmente concebida para compensar perdas auditivas resultantes de doenças do ouvido médio que, pela sua natureza, impossibilitam o uso de uma prótese auditiva convencional”, esclareceu Maria Mestre, diretora do serviço de Otorrinolaringologia do Hospital de Évora.

A criança de 9 anos a quem foi feito este implante, sofria de “surdez bilateral de grau médio (cerca de 50% de perda auditiva)”, o que era responsável por “dificuldades de comunicação, de aprendizagem e de inter-relacionamento com os seus pares”, esclareceu a diretora de serviço.

A adaptação da prótese auditiva ancorada ao implante osteointegrado na mastóide representou uma mais-valia preciosa para necessidades comunicacionais e de integração social da criança.