×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 63
JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 68

Evora

Perto de 450 Bombeiros do distrito de Évora vão ser vacinados contra a covid 19 já a partir de segunda-feira

Regional 27 Jan. 2021

Tal como a Rádio Campanário noticiou na passada segunda-feira, a Ministra da Saúde indicou que na próxima semana irá avançar a vacinação de outros serviços essenciais, nomeadamente, profissionais de emergência pré-hospitalar, designadamente bombeiros, profissionais de serviços essenciais, forças de segurança e, entre eles, titulares de órgãos de soberania.

Inácio Esperança, presidente da Federação dos Bombeiros do Distrito de Évora, já reagiu ao anúncio feito por Marta Temido .

Na sua página pessoal de facebook, adianta “ontem recebemos a notícia tão esperada para os Bombeiros de todo o país, finalmente vai ter início a plano de vacinação para os corpos de Bombeiros” ressalvando “vem tarde e as vacinas não vão de imediato chegar para todos, mas compreendo que não sendo o desejável é o possível num país que não tem vacinas toda a população, onde 90% dos médicos e profissionais de saúde do privado ainda não estão vacinados e, em suas casas, milhares de idosos aguardam a tão esperada vacina.”

O Presidente da Federação dos Bombeiros do Distrito de Évora acrescenta ainda “Aqui no distrito de Évora tentámos sempre( dirigentes e comandantes) que o plano nacional de vacinação avançasse rapidamente e com vacinas para todos os bombeiros, mas o que vai acontecer é que na primeira fase, que começa segunda-feira, é que vão ser vacinados apenas metade dos efetivos de cada corpo de bombeiros, cerca de 450 do distrito de Évora ( 14 Associações), 15 mil no total do país. “

Inácio Esperança refere também “Não aceitaríamos de outra forma, isto é, se não fosse para todo o país, com um plano e critérios universais, não seria justo e iria criar desigualdades e desconfianças que seriam difíceis de explicar e entender” deixando no entanto um agradecimento “Obrigado ao Ministério da Saúde, à Task Force e à Liga dos Bombeiros Portugueses e a todos os dirigentes, comandos e Bombeiros que lutaram para que isto fosse possível.”

Aguardamos a segunda fase pois todos os bombeiros são necessários para o combate e continua a ser urgente protegê-los”, acrescenta o Presidente da Federação dos Bombeiros do Distrito de Évora.

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Março 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31