20.4 C
Vila Viçosa
Quinta-feira, Maio 23, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Utilizadores de transporte com descontos no Alentejo Central quase que duplica

O programa de Apoio à Redução Tarifária(PART) quase que duplicou o número de utilizadores desde 2020.

De acordo com os dados avançados pela CIMAC- Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central, na sequência da elaboração do Relatório do Programa de Apoio à Redução Tarifária (PART), constata-se que o número de utilizadores do serviço público de transportes rodoviários com Redução Tarifária no Alentejo Central (TPAC) quase duplicou desde 2020. De facto, em 2020 havia-se registado um total anual de 4897 utilizadores, sendo que, em 2023 este número passou para 8853. Este valor tem vindo a manifestar uma tendência crescente, considerando que em 2021 o número de utilizadores PART tinha sido de 5745 e em 2022 ultrapassava já os 7750.

Esta tendência demonstra um incremento de procura, o que se deve, por um lado, ao desconto proporcionado pela CIMAC via PART de 60% sobre o Preço de Venda ao Público (PVP) para os utilizadores registados TPAC e, por outro, ao final das restrições impostas pela COVID-19 e ao aumento dos preços dos combustíveis. Nesta análise ressalta ainda a migração de utilizadores ocasionais (bilhete) para a assinatura de linha (passe).

Os municípios com maior adesão ao tarifário PART (número de utilizadores) foram, em 2023, Montemor-o-Novo (1207), Évora (1146), Redondo (1068) e Reguengos de Monsaraz (918). Uma outra análise efetuada, demonstra ainda que os utilizadores dos municípios de Vendas Novas, Mourão, Mora e Estremoz percorrem (em média) maiores distâncias, com movimentos pendulares que oscilam entre os 33 e os 48 km. Ainda de acordo com a distribuição de utilizadores por escalões quilométricos, sublinha-se que, cerca de 65% dos utilizadores, percorrem distâncias entre os 29 e os 36 km.

Em 2023, foram também apoiadas as Assinaturas de Linha de todas as tipologias de forma a manter o PVP com os valores de 2022 (congelamento do preço), tendo sido apoiados, nesta tipologia, cerca de 3500 utilizadores.

Embora esta análise incida sobre os Transportes Públicos Rodoviários, recordamos que a CIMAC tem ainda apoiado os utilizadores do Serviço Ferroviário, com uma redução tarifária de 40% sobre o PVP do Flexipasse, registando-se nesta tipologia um total de 1276 utilizadores em 2023.

A implementação do Programa no Alentejo Central, excluindo os transportes urbanos de Évora, para os quais o Município é a Autoridade de Transportes competente, ascendeu em 2023 a 823 mil euros, o que implica uma comparticipação acrescida por parte dos municípios, uma vez que o valor PART do Fundo Ambiental foi de 487 mil euros (excluindo os 15% alocados anualmente à Câmara Municipal de Évora). Ainda assim, o balanço é fortemente positivo uma vez que o objetivo principal é o incremento da procura de transportes públicos por parte da população o que se repercute não só na poupança imediata de cada utilizador, mas também na concretização de uma verdadeira política de descarbonização para o Alentejo Central.

Foto ilustrativa

Populares