13.7 C
Vila Viçosa
Quarta-feira, Junho 19, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Vila Viçosa lança projeto “Vila Viçosa Mais Verde” para melhoria da recolha seletiva e gestão de resíduos.

Na apresentação do projeto “Vila Viçosa Mais Verde” na freguesia de Pardais, no concelho de Vila Viçosa, a Rádio Campanário marcou presença e entrevistou o Presidente da Câmara Municipal, Dr. Inácio Esperança.

O presidente explicou que este projeto visa alcançar melhores resultados na recolha seletiva e biocompostagem, conforme as metas ambientais definidas pelo governo e o PAPERSUR. “O objetivo é ajudar os nossos munícipes na recolha e na aprendizagem da separação dos resíduos,” afirmou Dr. Inácio Esperança. “Temos várias campanhas de sensibilização e distribuição de ecobags para facilitar esta tarefa.”

A iniciativa inclui a abertura de um ecocentro e a exibição de um vídeo explicativo sobre os custos da recolha de resíduos para o município. “Muitas vezes, os munícipes não têm noção do quanto custa ao município a recolha desses resíduos, que é uma quantia significativa,” destacou o presidente.

Dr. Inácio Esperança anunciou ainda a introdução da compostagem comunitária como parte do projeto. “Vamos ter mais ações e candidaturas para que o projeto seja cada vez mais viável e eficiente,” acrescentou.

“A estratégia que estamos a implementar prende-se com as exigências ao nível europeu e nacional da gestão de resíduos,” explicou. O plano de ação do município envolve candidaturas a várias instituições, como a Sociedade Ponto Verde e o Fundo Ambiental, totalizando um investimento de cerca de 130 mil euros.

O ecocentro inclui áreas separativas para resíduos volumosos, vidro, cartão, e uma zona para deposição de verdes. “Promovemos a isenção de taxas para a recolha de monos e verdes,” afirmou Dr. Inácio Esperança. “Qualquer munícipe pode entregar estes resíduos gratuitamente, mediante inscrição e alguma paciência.”

O presidente destacou a importância de educar a população sobre a gestão de resíduos e mencionou os planos futuros para recolha seletiva em estabelecimentos HORECA (hotéis, restaurantes e cafés). “Esperamos poder candidatar-nos a mais financiamentos para adquirir os contentores e veículos necessários,” disse.

“A taxa de gestão de resíduos tem aumentado significativamente,” explicou. “Em 2015, era de 5,5 euros por tonelada e hoje está em 35 euros. Em 2025 e 2026, tende a subir ainda mais.” Esta realidade obriga o município a implementar estratégias para reduzir a produção de lixo indiferenciado e promover a reciclagem.

“Temos que começar a pensar seriamente na forma como tratamos os nossos resíduos,” enfatizou. “As autarquias são vistas como responsáveis pelo tratamento e gestão dos resíduos, mas não controlam toda a cadeia.” O projeto “Vila Viçosa Mais Verde” pretende sensibilizar a população e promover práticas sustentáveis.

Dr. Inácio Esperança concluiu destacando os apoios já conseguidos e a esperança de obter mais financiamentos para expandir o projeto. “Esperamos que numa próxima abertura de candidaturas possamos candidatar-nos novamente e obter financiamento,” afirmou. “Vamos hoje iniciar a campanha porta a porta pelo concelho com a distribuição dos ecobags.”

Com este projeto, Vila Viçosa está comprometida em promover uma gestão de resíduos mais eficiente e sustentável, alinhando-se com as diretrizes europeias e nacionais para um futuro mais verde.

Populares