15.9 C
Vila Viçosa
Quarta-feira, Fevereiro 28, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Cinco das 21 Albufeiras do Alentejo com armazenamento de água acima dos 90%

No último dia do mês de Janeiro de 2024 e comparativamente ao último dia do mês anterior verificou-se um aumento do volume armazenado em 11 bacias hidrográficas e uma descida em 1.
Das 60 albufeiras monitorizadas, 26 apresentam disponibilidades hídricas superiores a 80% do volume total e 12 têm disponibilidades inferiores a 40% do volume total.
Os armazenamentos de Janeiro de 2024 por bacia hidrográfica apresentam-se superiores às médias de armazenamento de Janeiro (1990/91 a 2022/23), excepto para as bacias do SADO, MIRA, RIBEIRAS DO ALGARVE e ARADE.

Na Região Alentejo, e de acordo com os dados hoje divulgados pelo sistema de informação de Recursos Hidrícos, na Bacia Hidrográfica do Guadiana, há seis albufeiras acima dos 77% de capacidade de armazenagem- Abrilongo(98.4%) , lqueva (82.6%), Caia (91.3%), Enxoé (80.7%) , Lucefecit (100%) e Monte Novo (77.3%).

Abaixo dos 50% estão três – Beliche (32.2%), Odeleite (39%) e Vigia (45.3%).

Na bacia do Sado, apenas três estão abaixo dos 50%- Campilhas (13.3%), Monte da Rocha (11.1%) e Roxo (44%).

As restantes estão todas com uma capacidade superior a 50%- Monte Migueis (99.9%) e Pego do Altar (93.5%), Alvito (74.9%), Fonte Serne (58.9%), Monte Gato (61.2%), Odivelas (53.6%) e Vale do Gaio (66.7%).

Por último e na Bacia do Mira, Corte Briquete e Santa Clara mantém-se abaixo dos 40%.

No toral das três bacias hidrográficas, há cinco Albufeiras que estão acima dos 90% da sua capacidade de armazenagem.

Face ao mês de dezembro, a quantidade de água aumentou em dus das albufeiras, elevando para treze o número total das Barragens acima dos 50%

Monte Migueis e Lucefecit são as que apresentam maior quantidade de água, Campilhas e Monte da Rocha, as que apresentam menor quantidade.

Populares