12 C
Vila Viçosa
Domingo, Fevereiro 25, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Decisões pendentes: Cruz Vermelha e o impasse das ERPI’s em Beja

A Cruz Vermelha Portuguesa (CVP) convocou uma reunião com os funcionários das suas casas de repouso para idosos, incluindo as Casas de Repouso José António Marques e Henry Dunant. Com o objetivo esclarecer dúvidas dos trabalhadores.

Recentemente, o jornal Lidador Notícias informou que estas casas de repouso em Beja poderão fechar até final de março. Esta notícia surpreendeu os trabalhadores e as famílias dos idosos que lá vivem. Num email para a direção da CVP, perguntou-se sobre o fecho destas casas, para onde irão os 60 idosos e o que acontecerá aos 25 funcionários. A CVP não negou estas informações, mas disse que está a trabalhar com outras organizações para encontrar soluções.

Também se questiona o futuro do Serviço de Apoio Domiciliário, que tem a sua cozinha na Casa de Repouso Henry Dunant. Há dúvidas sobre o que acontecerá a esta cozinha se a casa fechar: se fica onde está, se muda de lugar ou se o serviço acaba.

A Cruz Vermelha Portuguesa comunicou aos familiares dos idosos que vai haver reuniões para falar sobre cada situação individualmente. Nos documentos enviados aos trabalhadores e famílias, a CVP garante que nenhuma casa de repouso fechará até que encontrem uma boa solução para todos.

Foto: O Lidador

Populares