30.4 C
Vila Viçosa
Domingo, Julho 14, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Grândola: PS e PSD chumbam orçamento municipal e comprometem qualidade de vida dos habitantes

O orçamento municipal para 2022, apresentado à Assembleia Municipal na passada sexta-feira dia 17 de dezembro, foi chumbado com os votos contra de PS e PSD.

Segundo a informação avançada pela Câmara Municipal de Grândola, esta votação obriga a que o Município inicie o ano com o orçamento do ano anterior (3 milhões inferior ao proposto para 2022, sem rúbricas novas e desajustado da realidade atual). Esta situação implicará atrasos e constrangimentos na gestão da autarquia e colocará em causa a implementação imediata de um conjunto alargado de medidas, ações e projetos que iriam contribuir para o desenvolvimento do Concelho e para a melhoria da qualidade de vida da população.

O Presidente da CM de Grândola, António Figueira Mendes, referiu que “O orçamento proposto para 2022 era o maior e um dos melhores orçamentos de sempre – que iria continuar a investir fortemente na reabilitação urbana de todo o Concelho e implementar medidas e projetos de grande importância para a população – como seria a forte aposta na habitação”. António Figueira Mendes lamenta a situação criada pelo PS e PSD, “que irá prejudicar os Grandolenses”.

Para o presidente “a aprovação deste orçamento é determinante para aumentar o bem-estar dos nossos munícipes, pelo que iremos continuar a envidar todos os esforços, tal como até agora, para alcançar consensos e convergências. Esperamos que os dirigentes partidários percebam o que está em causa e que coloquem os interesses da população acima dos interesses partidários”.

Populares