31.5 C
Vila Viçosa
Quarta-feira, Julho 17, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Investigador da Universidade de Évora é o vencedor do Prémio Investigação IEFP 2021!

Tiago Cabeça, investigador do Centro de História da Arte e Investigação Artística (CHAIA), da Universidade de Évora foi o vencedor do Prémio Investigação IEFP 2021, pelo trabalho académico que tem desenvolvido sobre o artesanato área de estudo presente na tese de doutoramento em História da Arte com o tema do “Artesanato” como processo criativo: o exemplo da Barrística. Contributo para uma reflexão sobre a criatividade” que se encontra a desenvolver com a orientação de Luís Afonso, Professor do Departamento de Artes Visuais e Design e Manuel Patrocínio, Professor do Departamento de História, ambos da UÉ.

A cerimónia de entrega dos Prémios com que bi-anualmente o IEFP distingue, reconhece e promove o artesanato nacional teve este ano, na sua terceira edição, as Capuchinhas, vencedoras do prémio Carreira; João Cláudio Pacheco Gomes, vencedor do Prémio Inovação; Vanessa Barragão, vencedora do Prémio Novos Talentos e Tiago Cabeça, vencedor do Prémio Investigação. Ainda à Passa Ao Futuro, vencedora Prémio Entidades Privadas e à Câmara Municipal De Nisa, vencedora do Prémio Entidades Públicas. 

A cerimónia do Prémio Nacional Bienal de Artesanato 2021 IEFP, decorreu ontem 17 novembro no Teatro Ibérico em Xabregas, em Lisboa, numa edição que contou com 113 candidaturas às várias categorias. A cerimónia contou com a presença de Miguel Fontes, Secretário de Estado do Trabalho, entre outras entidades, numa sessão cuja participação se fez notar.

Paulo Tiago Cabeça (Tiago Cabeça) é licenciado em Artes Visuais Multimédia, Mestre em Práticas Artísticas, pela Escola de Artes da Universidade de Évora. Aluno de doutoramento e membro integrado no CHAIA – Centro de História da Arte e Investigação Artística, membro do Conselho Pedagógico do Instituto de Investigação e Formação Avançada (IIFA). Bolsa de Doutoramento FCT – HERITAS GD / 15754/2020 / P1 desde 2020/2021. Artista, ceramista, caricaturista e artesão com mais de vinte anos de carreira. Obra plástica distinguida com inúmeros prémios nacionais e autor de vários projetos artísticos, alguns financiados com fundos europeus (PRODER) e declarados institucionalmente de interesse cultural e turístico respetivamente pela ERT- Entidade Regional de Turismo do Alentejo e pelo Ministério da Cultura de Portugal.

Fonte/Foto: Universidade de Évora

Populares