22 C
Vila Viçosa
Quarta-feira, Julho 24, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Presidente de Junta de Freguesia de Pardais lamenta não ter sido informado do caso na freguesia (c/som)

Em declarações à RC, Inácio Esperança, Presidente da Junta de Freguesia de Pardais, em Vila Viçosa, lamenta não ter sido informado da existência de um caso na sua freguesia.

Após os rumores de que existia um caso positivo de COVID-19 em Vila Viçosa, mais concretamente na freguesia de Pardais, a RC contactou o presidente da junta, que informou que “oficialmente o Presidente e a Junta de Freguesia não sabem de nada”.

Desta forma Inácio Esperança refere que “é lamentável que o boato corra sem podermos confirmar oficialmente”.

“Nós servimos para trabalhar, para ajudar as pessoas, mas não para ser notificados”, frisa.

Informa que o que “está lançado [é um] boato e as pessoas de Pardais são estigmatizadas e vistas como alguém, possivelmente, portadora do vírus, quando ninguém tem certeza”.

O autarca lamenta que se viva “num estado onde o poder central manipula os dados e a informação e não “dá cavaco” ao poder local. Se nós soubéssemos, nesta altura estaríamos a confirmar e já estaríamos em contacto com as pessoas, já saberíamos dizer se está ou não controlado, já saberíamos acalmar. Neste momento não o podemos fazer porque um boato não se acalma, um boato confirma-se ou não e ainda ninguém informou ou confirmou à junta”.

O presidente da Junta de Freguesia de Pardais explica que “não posso confirmar algo para o qual não fui informado. A autoridade de saúde já devia ter acabado com este boato, confirmando ou não, informar da situação e tranquilizar as pessoas”.

Populares