30.4 C
Vila Viçosa
Domingo, Julho 14, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

“São projetos como este, que contribuem muito para valorizar o Interior do país”, diz autarca de Beja

O Clube Escape Livre inaugurou, ontem dia 15 de julho, a rota turística da Estrada Nacional 18 (EN18) entre Guarda e Ervidel, no concelho de Aljustrel, que está integrada no projeto “Rotas de Portugal” e pretende atrair turistas para o território.

De acordo com Luís Coelho, diretor criativo do Clube Escape Livre, a rota “EN18 – Da Serra à Planície” pretende levar os turistas a percorrer os 388 quilómetros de extensão da EN18 que é “a segunda Estrada Nacional mais extensa do país”.

A Estrada Nacional 18 tem o quilómetro zero na cidade da Guarda (onde foi inaugurado o marco do quilómetro zero e a placa de início da rota) e o último em Ervidel.

A rota turística abrange 14 municípios (Guarda, Belmonte, Covilhã, Fundão, Castelo Branco, Vila Velha de Ródão, Nisa, Portalegre, Estremoz, Évora, Portel, Vidigueira, Beja e Aljustrel), cinco Aldeias Históricas (Belmonte, Sortelha, Castelo Novo, Idanha-a-Velha e Monsanto) e duas regiões vitivinícolas (Beira Interior e Alentejo).

“Estamos perante uma rota turística de enorme valor e de enorme potencial”, acrescendando que se trata de “uma estrada que percorre locais magníficos e que tem tudo para atrair pessoas” para as regiões, referiu Luís Coelho na inauguração da rota.

Paulo Arsénio, presidente da autarquia de Beja, declarou que este percurso entre Guarda e Ervidel “é um instrumento turístico absolutamente extraordinário” que pode potenciar os municípios agregados. Segundo o autarca, a EN18 liga “duas regiões absolutamente magníficas”: as Beiras e o Alentejo. Segundo o presidente de Beja, São projetos como este, que contribuem muito para valorizar o Interior do país. As nossas potencialidades turísticas ficam claramente ampliadas através de produtos estruturados como este. Isto, porque percorrem territórios que muitas vezes não tem holofotes turísticos, como, por exemplo, tem o Litoral. Portanto, isto é um produto muito interessante.Começa na serra da Estrela, acaba na planície alentejana e tem uma imensidão de concelhos e distritos para percorrer. Nós também temos uma oferta magnífica na nossa zona e na nossa região. Através deste projeto, queremos dar uma amplitude maior a tudo o que de bom temos para oferecer.”

Já o presidente do município da Guarda, Carlos Chaves Monteiro, referiu que o projeto permite “dar visibilidade às riquezas dos territórios” incluídos no trajeto da EN 18. O autarca disse que a rota “EN18 – Da Serra à Planície” constitui um projeto “estruturante”, uma vez que contribui para a promoção turística das regiões envolvidas.

O projeto arrancou com o lançamento da rota da EN18 e vai incluir a criação de projetos idênticos relacionados com as EN221 (Miranda do Douro – Guarda), EN16 (Aveiro – Vilar Formoso) e EN17 (Coimbra – Celorico da Beira).

O Clube Escape Livre tem por lema “o automóvel na promoção e divulgação da região da Guarda”.

Foto/Fonte:escapelivre e o atual

Populares